Sistema construtivo a seco, conheça o Wood Frame

Casa em wood frame

Os sistemas construtivos não são novidade na construção civil e, nem na nossa revista. Em alguns artigos anteriores, falamos sobre grandes sistemas, como: alvenaria, parede de concreto, steel frame etc.

Eles podem ser descritos como um conjunto de técnicas e tecnologias utilizadas para a construção de um edifício. Como supracitado, existem diversos tipos  sistemas e técnicas usadas na atualidade. No entanto, neste artigo focaremos em uma técnica – o wood frame. Clique aqui para saber mais sobre os sistemas construtivos.

O wood frame

Por volta do século XIX, surge na América do Norte – mais especificamente nos EUA – o wood frame. Por isso, o termo “wood frame” é originado do inglês, que significa “estrutura de madeira”.

casa construida com wood frame

Além dos EUA, o wood frame é aplicado em outros lugares do mundo, como no Canadá, alguns países sul-americanos (Chile, Venezuela etc.) e na Europa.

Afinal, o que é wood frame?

É um sistema construtivo que usa placas estruturais e perfis de madeiras na composição de casas e/ou edificações de até cinco pavimentos.

A técnica é considerada sustentável, já que utiliza madeira de reflorestamento em sua composição.

Quando falamos de wood frame, lembramos de outra técnica, o steel frame (estrutura de aço). Isto não é por acaso, ambas as técnicas fazem parte do Sistema CES (Construção Energética Sustentável).

Características e construção em wood frame

Relembrando, as madeiras usadas no wood frame são de reflorestamento, elas precisam estar secas e sem imperfeições para serem usadas. Além disso, a madeira mais utilizada nas obras de wood frame nos Estados Unidos é a Pinus, mas o eucalipto também pode ser utilizado.

Sua parte estrutural é composta por madeira maciça, já as chapas de revestimento são em OSB (Oriented Strand Board).

uma chapa de osb, usada na construção das casas em wood frame

O OSB é uma placa composta por tiras de madeira de reflorestamento, que são organizadas na mesma direção. O produto conta com uma grande resistência, estabilidade e versatilidade, também pode ser usado de diversas maneiras nas obras.

Processo de construção

  1. É necessário que já no projeto as medidas da parede estejam detalhadas. Dessa forma, os painéis que serão comprados, são transportados para o local da obra com as medidas corretas para o uso;
  2. Após a compra dos painéis, é iniciada a instalação da estrutura de madeira – ela é responsável pela sustentação da obra;
  3. Nesta etapa, as placas de madeira OSB são colocadas e, junto a ela, uma placa cimentícia e gesso cartonado;
  4. Não pode se esquecer das aberturas que serão criadas para depois incluir as instalações hidráulicas e elétricas. Nas instalações hidráulicas, são usados canos de PVC ou PEX, já nas elétricas, fios e conduítes;
  5. Logo após, é feito o preenchimento para garantir um conforto térmico, pode-se usar mantas de lã de rocha ou de vidro;
  6. Nesta fase, inicia-se a cobertura e vedação do projeto;
  7. Por último, são feitos os acabamentos externos na obra

Uma imagem mostrando a composição da parede em wood frame

Foto: Archdaily

Vale ressaltar que, são utilizadas placas cimentícias com selador anti fungo e pintura de resina acrílica pura nas áreas expostas a água (cozinha e banheiro).

Não se engane, a técnica do wood frame, pode ser tão resistente quanto a alvenaria convencional. Para isto, é necessário que os materiais passem por um processo de tratamento contra brocas, cupins e fungos.

Vantagens do wood frame

Algumas das vantagens que este sistema possui, são:

  • Conforto térmico e acústico: o isolamento acústico dessa técnica é maior que o da alvenaria convencional. Ainda, a madeira trás uma sensação mais agradável aos moradores, seja em localidade mais frias ou quentes, chegando a absorver 40 vezes menos calor que a construção de alvenaria.
  • Prazo de entrega menor: devido a utilização de madeiras com tamanhos específicos, o prazo de entrega dos projetos é mais rápido, podendo ser em torno de dois meses.
  • Economia: como já citamos, a economia de tempo é uma das economias que esse sistema garante, a outra é em materiais – pois, a madeira usada nas obras é mais econômica se comparada com a alvenaria. Além disso, é possível fazer o controle de gastos da obra já na fase do projeto.
  • Possibilidade de usar vários acabamentos: não pense que só porque a matéria-prima é madeira que significa que o revestimento é limitado, muito pelo contrário. No acabamento, pode-se usar vários revestimentos diferentes, como: cerâmica, porcelanato, tinta, azulejo etc.
  • Sustentabilidade: por último, mas nem por isso menos importante. A sustentabilidade é uma das maiores vantagens desse sistema, entre os aspectos presente nela estão: redução de resíduos gerados da obra e o uso de um material renovável – a madeira.

Desvantagens do wood frame

Em contrapartida, possui algumas desvantagens, como:

  • Mão de obra: essa é uma desvantagem maior para os brasileiros. O sistema exige uma mão de obra especializada e, como no Brasil é pouco conhecido, ou seja, isso pode demorar um pouco.
  • Concreto armado: o uso do concreto ainda é necessário em algumas partes da obra, como nas sapatas, laje mista ou blocos.
  • Limite de pavimentos: as construções de wood frame são limitadas à 5 andares no máximo.
  • Correções: o sistema pode exigir mais correções no final da obra. Isto por conta da utilização das chapas de OSB, que por sua vez, possuem uma superfície rugosa.
  • Falta de cuidados: essa desvantagem é causada pelo cliente final. Como não é tão conhecida em todos os locais, alguns moradores tendem a não tomar os cuidados necessários.

Wood frame no Brasil

Ao longo desse artigo, já citamos o wood frame no Brasil e, agora, falaremos especificamente sobre o assunto.

O sistema chegou no Brasil já no ano de 2009. Apesar de se encontrar há algum tempo no mercado brasileiro, ele ainda é pouco utilizado.

Em primeiro lugar, como já possuímos a tradição de usar a alvenaria, a madeira acaba sendo considerada um elemento secundário da construção.

Ainda, algumas pessoas tem a visão que esta técnica contribui para o desmatamento das árvores nativas brasileiras. No entanto, sabe-se que a madeira usada nas obras são o eucalipto e pinus, estes tipos de madeira crescem com rapidez e estão presentes grande quantidade em nosso país.

A falta de uso do sistema contribui para que não tenha uma norma regulamentadora do específica para o wood frame. Outrossim, a ABNT já notou o wood frame e, estão desenvolvimento uma norma para o mesmo.

Apesar de ser novidade no Brasil, em 2016, na cidade de Araucária – PR, o primeiro prédio construído com tecnologia sustentável wood frame foi finalizado.

Prédio construído em wood frame

Prédio construído em Araucária – PR com wood frame.

Gostou de conhecer o wood frame? Já conhece o outo sistema conhecido como steel frame? Confira mais artigo como esse em nossa revista digital e, deixe um comentário sobre o que achou desse sistema.

Orçamento grátis e seguro
Profissionais avaliados

Iremos te ajudar a realizar o seu sonho fechando o melhor negócio!

Deixe seu comentário