Granilite: o que é, como aplicar e exemplos

Na atualidade, o número de pessoas à procura de revestimentos para as obras tem aumentado. Logo, o número de vendas de diferentes revestimentos também, alguns inclusive estão se popularizando, devido à esta quantidade de procura.

Sendo assim, hoje falaremos de um tipo de revestimento que você provavelmente conhece. No entanto, se não conhece, já viu em algum lugar. Dessa forma, iremos falar um pouco mais sobre o granilite.

O que é Granilite?

O piso granilite tem uma aparência que lembra muito o granito natural. Além disso, possui alguns pontos em comum, como a alta durabilidade, por exemplo.

Ademais, ele é um piso feito a base cimentícia (cimento, areia e água) com grânulos de diversas pedras naturais. Ainda mais, ele é produzido através de um processo inteiramente artesanal, é geralmente aplicado em edifícios ao redor do mundo, garantindo uma sofisticação maior aos ambientes.

Não é só escolhido pelo ar que trás aos ambientes como também as suas vantagens, que incluem uma maior durabilidade, resistência (à água e desgaste por fricção) e ainda é de fácil manutenção. Pode ser aplicado tanto na posição vertical quanto na horizontal.

A busca por granilite e popularização são muito fortes na arquitetura e, existem diversas empresas que fabricam o produto e produzem outros que fazem referências a ele, como o papel de parede que parece granilite.

ilustrar uma parede dercorada com papel de parede de granlite

Como a imagem acima, ela é um papel de parede granilite, vendido pela empresa “Grudado”.

ilustrar uma parede dercorada com papel de parede de granlite

ilustrar um ambiente com granilite

ilustrar um ambiente com granilite

ilustrar um ambiente com granilite

Após ver esses exemplos, é possível dizer que o granilite pode ser usado de formas diferentes, com colorações diferentes e aspectos também.

A aplicação do granilite

Apesar de muitas pessoas confundirem, o granilite e o “fulget” são diferentes tipos de materiais. Entretanto, diversas pessoas os chamam de revestimento de granilite polido e lavado respectivamente.

A aplicação de ambos (polido e lavado) pode ser feita sobre qualquer superfície podendo ser curva ou plana. O granilite polido é mais comum – e indicado – ser instalado em pisos e paredes de áreas internas, já o lavado, em áreas externas e molhadas.

Como é feita a instalação do Granilite?

O granilite polido, é constituído de pedras e cimento. Mas, e o processo?

Então, vamos falar sobre isso em 13 passos.

1- Coloque o contrapiso até ficar rugoso, use um objeto para obter a rugosidade, em alguns casos é usado um “vassourão”. Ainda, é importante lavar e limpar o local para eliminar os resíduos.
2- Faça as medições das juntas longitudinais e transversais e marque com linhas de giz. Recomenda-se que as medidas sejam em torno de 1,50 m X 1,50 m.
3- Após a colocação das juntas plásticas nas áreas marcadas, fixe-as em uma fina camada de argamassa de cimento branco e areia.
4- Não coloque a argamassa de cimento branco próximo ao cruzamento das juntas, para que a massa de granilite entre no espaço, isso aumentará sua aderência ao contrapiso.
5- Prepare a massa de granilite e aplique com uma colher de pedreiro.
6- Então, faça o sarrafeamento da massa.
7- Agora, será jogado o agregado puro do granilite por cima da massa que já foi aplicada.
8- Use uma broxa para umedecer levemente a superfície e mantê-la uniforme.
9- Utilize um rolete para compactar os agregados da massa.
10- Em seguida, use a desempenadeira metálica para alisar a superfície. Recomenda-se que antes do polimento, seja feita a cura úmida por 48h ou mais.
11- Usa-se a máquina politriz com esmeril de grãos 36 e 60. Após isso, é o processo de estucamento, com o esmeril 120, espalhe o cimento branco puro e água, isso formará uma nata, para calafetar os poros do piso. Com um rodo, movimente a nata de cimento enquanto passa a politriz, para verificar o resultado do polimento.
12- Passado o período de três ou quatro dias, faça o acabamento usando a máquina esmeril 180, para tirar o excesso de cimento da superfície e dar o acabamento liso.
13- Finalizando, com a superfície seca, use cera à base de petróleo ou duas demãos de resina acrílica.

ilustrar um ambiente com granilite

ilustrar um ambiente com granilite

E aí, o que você achou do piso de granilite? Comente sua opinião e não esqueça de conferir mais matérias em nossa Revista Digital.

Orçamento grátis e seguro
Profissionais avaliados

Iremos te ajudar a realizar o seu sonho fechando o melhor negócio!

Deixe seu comentário