Conheça nossas Trilhas

19 de junho de 2024
22.78°C New York
imagem projeto area de lazer casa de campo 02

Casa de campo – Projetos de casas para chácaras, sítios e fazenda. 10 lindos modelos!

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Casa de campo é um santuário para quem gosta de descansar e aproveitar o tempo com a família e amigos.

Por isso os projetos deste tipo de residência estão integrados à natureza e precisam respeitar o entorno e harmonizar com a paisagem existente.

A ideia para esse tipo de casa é um projeto que traga aconchego e tranquilidade, e os estilos podem variar do rústico ao moderno ou industrial.

É importante que os ambientes de convívio social sejam bem espaçosos, utilizando grandes vãos envidraçados aumentam a aparência das áreas externas e proporcionam uma ventilação e iluminação natural agradável.

Pensando nisso, separamos alguns modelos de projetos de casa de campo para você se inspirar.

Ao clicar na imagem você consegue ver todos os detalhes do projeto.

Caso tenha alguma dúvida sobre algum projeto, fale com a nossa equipe. 😉

 

Casa de campo modelo  01

Casas com varandas são características da arquitetura em casas de campo.

Por exemplo, um telhado estendido é um ótimo elemento para dar uma sensação de aconchego e um elemento decorativo ideal que valoriza e permite apreciar o ambiente natural que cerca a casa.

planta com 4 quartos projeto EA-156

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 4 quartos projeto EA-156

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 4 quartos projeto EA-156

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Casa de campo modelo 02

Essa casa de campo segue na linha mais contemporânea, com telhado platibanda e linhas retas.

No entanto não perde o aconchego de uma casa de campo, possui uma grande área gourmet que fica bem integrada com a piscina. Um projeto muito legal!!

Quais são as etapas para realizar o projeto arquitetônico? Confira!

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 1 quarto projeto EA-108

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Casa de campo modelo 03

Projeto de casa de campo com tijolo aparente, o que trás um visual mais rústico.

Nesse projeto foi utilizado grandes aberturas, bastante vidro, pergolado em madeira, um projeto realmente bem aconchegante e bonito.

planta com 2 quartos projeto EA-104

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-104

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Casa de campo modelo 04

planta com 2 quartos projeto EA-146

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-146

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

PLANTA BAIXA PROJETO EA-146

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Casa de campo modelo 05

Casa de campo em madeira também é uma ótima opção para quem quer um estilo mais rústico.

Por exemplo essa casa de campo tem 2 pavimentos, sendo o espaço gourmet com pé direito duplo, o que proporciona um ambiente bem arejado e fresco.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Casa de campo modelo 06

Um projeto contemporâneo que pode ser construído em uma área rural.

Aqui temos uma planta baixa bem estruturada, e uma fachada muito linda, podendo encaixar perfeitamente como uma casa de campo moderna.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Casa de campo modelo 07

Uma casa de campo com estilo mais contemporâneo que tem o formato de um L. Toda a casa tem a vista central para piscina.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Dica de decoração: Você pode utilizar materiais rústicos como madeira, tijolo e pisos de pedra natural, com tonalidades que contrastam com o ambiente.

Crie um conjunto com tapetes coloridos e almofadas com estampa de folhas para dar um ar agradável ao ambiente.

Casa de campo modelo 08

Esse projeto é uma evolução do primeiro projeto apresentado aqui, foi realizado uma adequação de tamanho e disposição dos ambientes.

Por resultado tivemos uma casa de campo bem funcional e muito aconchegante.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Casa de campo modelo 09

Uma área de lazer incrível, muito aconchegante e encantadora.

Casa de campo modelo 10

Uma casa de casa de campo que explorou ao máximo o desnível do terreno, inicialmente parece ser uma casa térrea, mas depois bem um surpresa.

Um projeto incrível!

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

 

 

projetos para financiamento

Projetos de casas para fazer financiamento caixa – 12 Modelos para se inspirar!

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Projetos de casas que se encaixam no programa de financiamento da Caixa Casa Verde e Amarela.

Nesse conteúdo, vamos ver quais são os tamanhos e características das casas que são construídas por esse sistema de financiamento Casa Verde e Amarela.

Assim você terá uma boa noção de como pode ficar a sua casa financiada.

Ah, e vou te dar uma super dica para conseguir construir uma metragem maior sem sair das regras da caixa 😉

O financiamento casa verde e amarela tem o teto de R$ 134 mil reais. Ou seja, sua construção deve se manter nesse valor. Em casos de financiamento de terreno + construção também.

DICA: Existem alguns macetes para que você consiga uma construção um pouco maior, e uma das formas de fazer é deixar a garagem descoberta no projeto, porém, preparada para ser coberta futuramente. Com isso, você ganha algo em torno de 20m².

Isso pode te ajudar muito a ter uma casa ainda mais confortável.

 


Nós do Entenda Antes, sempre buscamos ajudar nossos clientes a terem maior sucesso na sua obra, tanto com dicas como essa, como com projetos arquitetônicos, elétrico, hidráulico e interiores de alta qualidade.

O Entenda Antes lançou um marketplace de projetos para você se inspirar e ter acesso a dezenas de projetos, com valores bem acessíveis. Clique aqui para conhecer mais projetos.

Bom, sem mais delongas, vamos aos projetos de casas desenvolvidos especialmente para financiamento do programa casa verde e amarela.

Projetos de casas para terreno 5×25

planta com 2 quartos projeto EA-157

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui. planta com 2 quartos projeto EA-157

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-125

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-125

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Projetos para financiamento terreno 6×25

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Esse é um projeto que foi utilizado da tática de deixar a garagem sem a cobertura para que pudesse deixar o projeto um pouco maior.

planta com 2 quartos projeto EA-115

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-115

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Projetos para financiamento terreno 7×22

planta com 2 quartos projeto EA-129

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-129

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-142

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-142

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-137

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-137

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Projetos para financiamento terreno 8×20

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Planejamento de Obras: Guia para Planejar sua Construção!

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-122

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

Projeto para financiamento terreno 9×23

planta com 2 quartos projeto EA-133

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-133

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

Projeto para financiamento terreno 10×15

planta com 2 quartos projeto EA-155

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

planta com 2 quartos projeto EA-155

Veja todos os detalhes desse projeto, visite sua página, clique aqui.

 

 

ASSISTA A LIVE SOBRE FINANCIAMENTO HABITACIONAL COM A ESPECIALISTA MARI PELEGRINI.

sauna-com-porta

Conheça a empresa líder no segmento de saunas – Impercap Saunas

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

A Impercap Saunas é uma empresa que surgiu com o propósito de inovação, construindo assim um diferencial jamais visto no setor, focando em produtos inovadores que realmente causasse uma revolução tanto em praticidade como em qualidade. Um dos grandes diferenciais da nossa marca é o desenvolvimento de projetos cada vez mais avançados unindo tecnologia com o bem-estar dos nossos clientes.

Equipamentos para saunas seca, semiúmida e a vapor – Entenda os benefícios:

A Impercap trabalha com diversos produtos como saunas secas, a vapor e até mesmo semiúmida, mas o que muitas pessoas não sabem são os inúmeros benefícios que a pratica desse lazer pode trazer para a saúde.

Estudos indicam que o uso regular de saunas pode diminuir em até 77% o risco de morte por doença cardiovascular, já as doenças neurodegenerativas tem uma diminuição nos índices de quem é frequentador das saunas. Além de diminuir a probabilidade de doenças respiratórias e ajudar a melhorar o humor de pacientes que possuem algum grau de depressão.

Aquecedores de piscina e banheira

Outra vertente muito importante que trabalhamos são com os aquecedores para piscina e banheira, sempre priorizando por produtos de extrema qualidade e resistência, para que ao instalar um dos produtos Impercap em sua área de lazer você não tenha problemas de manutenção. São feitos totalmente em Aço Inoxidável com pintura eletrostática, o que garante uma durabilidade muito superior e um acabamento lindo.

Ionizadores para piscina

Um outro equipamento que é produzido na Impercap e segue inovando o mercado são os nossos Ionizadores para piscina que tem por função manter a água da piscina limpa e evita a proliferação de fungos, bactérias e algas que podem se acumular devido à estagnação e falta de limpeza da água.

Uma das maneiras mais comuns para manter a água desinfetada é a aplicação de cloro, o problema reside na sua toxicidade e no cuidado que devemos tomar para aplicar a quantidade certa para evitar alergias cutâneas ou olhos ardentes.

O Ionizador serve para desinfetar a água através de íons de cobre, evitando o uso de produtos químicos para matar vírus e bactérias. O Painel de Comando Digital pode controlar e programar os dias e horas de funcionamento do ionizador e da bomba.

Além de todos esses produtos que a Impercap já fabrica com extrema excelência, temos um que é uma verdadeira novidade, o Descalcificador Eletrônico. É um equipamento eletrônico que proporciona uma proteção eficaz contra acumulações de calcário em caldeiras de água, reservatório de gerador de vapor e canos da rede de água.

Caso a rede de água esteja com acumulo de calcário nas paredes do cano, com o tempo irá dissolver completamente deixando o cano limpo sem qualquer resíduo.

Existe também a nossa linha de Geradores de Vapor Industrial, que é utilizado em cervejarias, indústrias de pães, construção civil, na fabricação de embalagens, aplicação de rótulos sleeve termoencolhíveis em diversos tipos de seguimentos, uso na indústria têxtil para fixação de tintas e polímeros, fixação de hot stamping, na agricultura, produção de substratos de cogumelos e na agroindústria, utilizados em laboratórios e etc…

A Impercap está presente em todo o território nacional e produz diversos outros produtos para saunas, piscinas e os mais variados seguimentos, sempre trabalhando com muito excelência e dedicação focando no bem estar do cliente e no melhor atendimento.

Acesse o site da Impercap e confira todos os produtos de extrema qualidade que trabalham.

https://impercap.com.br

arte como funciona a compra de projeto pronto na internet

Como funciona a compra de projetos prontos na internet? Entenda Antes!

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Como funciona na prática a compra de projetos prontos na internet?

É muito simples e fácil de escolher e comprar, existem inúmeras vantagens, mas também existem desvantagens, vamos te contar TUDO nesse conteúdo e te explicar como realmente é na prática com o passo a passo.

Vantagens dos projetos prontos

  • Valor mais acessível.
  • Você escolhe o projeto que mais gostar vendo tudo sobre ele antes.
  • Não precisa sair de casa e economiza tempo pois não irá passar horas e horas falando com o arquiteto ou engenheiro para que consiga encaixar com o seu gosto.
  • Seu projeto terá garantia de aprovação em qualquer prefeitura e você terá uma obra dentro da lei.
  • Existe a possibilidade de fazer pequenas alterações.

Desvantagens dos projetos prontos

  • Você não terá exclusividade sobre o projeto, já que é isso que possibilita que esse projeto seja tão acessível, o arquiteto e engenheiro poderão comercializá-lo em todo Brasil.
  • Caso o terreno tenha muito desnível e você pretenda usar esse desnível, será mais difícil encontrar um projeto que se adeque ao terreno.

Bom, agora que você já viu o lado bom e o lado não tão bom, vou te contar como realmente funciona na prática.

 

–  Primero passo é o mais legal, é o momento onde você irá sonhar visualizando gratuitamente os diversos modelos de projetos até escolher o que você mais gostou, aquele que possui a quantidade de quartos, tamanho e estilo arquitetônico que mais agradou você e sua família.

 

 

  – Após isso, você realiza a compra do projeto arquitetônico e projetos complementares caso desejar (projeto elétrico e hidráulico), assim que o pagamento é confirmado você receberá o contato de um dos consultores do Entenda Antes para validar com você as informações de cadastro e iniciar o processo de registro do projeto em seu nome junto aos conselhos CAU ou CREA, onde será emitido a ART do projeto.

Essa ART será necessária para fazer a aprovação do projeto na prefeitura da sua cidade.

 

– Com esse passo de registro do projeto concluído, você receberá em seu e-mail a prancha em PDF dos desenhos técnicos arquitetônicos, (você verá um exemplo logo abaixo). Juntamente com o PDF você também receberá o arquivo em DWG, que é o arquivo em AutoCAD (programa utilizado para elaboração do projeto).

 

 

– Dar entrada do projeto na prefeitura. Nesse momento, você já está prestes a iniciar a execução da sua obra, é importante você saber que todo projeto necessita de um profissional como responsável técnico pela execução e acompanhamento da obra, esse profissional precisa ser contratado por você em sua cidade para que possa fazer o acompanhamento da sua obra.

Nós temos profissionais parceiros em todo Brasil, que no momento que nosso consultor entrar em contato, ele irá comentar com você e caso deseje ajuda para contratar esse profissional para fazer o acompanhamento da obra e o projeto estrutural caso seja necessário na sua cidade iremos te indicá-lo.

Pronto, viu como é simples e fácil a compra de um projeto pronto na internet e muito mais vantajoso? 

Então, mãos a obra a partir daqui você começará ver sua casa tomando forma, com a limpeza do terreno, marcação do gabarito da obra, perfuração das brocas e assim por diante. Seu sonho tomando forma e se concretizando.

Veja o que você irá receber nos projetos arquitetônicos (abaixo você verá as pranchas completas de cada tipo de projeto):

Veja na prática como são as pranchas dos projetos, igual o que você irá receber:

Prancha completa do projeto arquitetônico:

Projeto ARQUITETONICO exemplo

Projetos complementares (esses projetos são opcionais, comprados separadamente): 

Prancha completa projeto elétrico:

Projeto ELETRICO TOMADAS exemplo
Prancha referente a marcação dos pontos de tomadas.

Projeto ELETRICO ILUMINACAO exemplo

Prancha completa projeto Hidro sanitário: 

Projeto hidrosanitario exemplo

Agora que você já viu como tudo funciona e o que irá receber, veja os modelos dos projetos em nossa loja!

Acessar loja de projetos prontos.

Ficou alguma dúvida? Entre em contato conosco!

qual melhor opcao para adquirir um projeto para sua construção

Descubra quais são as 3 principais soluções para quem precisa de um projeto para construir.

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Construir uma casa não é uma tarefa simples e muita gente sabe disso melhor do que ninguém, pois quem já construiu conhece bem os desafios de colocar uma casa de pé. Mas tudo isso pode ser minimizado se você fizer um bom projeto. Quando falamos em projeto logo pensamos no engenheiro ou no arquiteto que são profissionais preparados para ajudar no planejamento da sua construção.

Todo e qualquer projeto arquitetônico para construção necessita de um arquiteto ou engenheiro responsável por ele. Atualmente você tem 3 opções para adquirir um projeto para sua construção, são elas: Contratar um arquiteto, contratar um engenheiro ou comprar um projeto pronto na internet, vamos ver nesse conteúdo qual a melhor opção para você.

planta com 3 quartos projeto EA-145

Contratar um arquiteto

O arquiteto é o profissionais responsável por desenvolver os desenhos técnicos arquitetônicos com base nos gostos do cliente, sabendo aproveitar o potencial do terreno com a distribuição adequada dos ambientes da casa. Também é responsável por criar o design da fachada da casa, com o estilo arquitetônico que o cliente mais gosta, seja ele contemporâneo, clássico, rústico entre outros.

Dentro dos pontos positivos de contratar um arquiteto é que você terá um projeto personalizado, podendo incluir detalhes bem específicos no projeto.

A desvantagem é que um bom arquiteto tem um custo alto, já que a elaboração de projetos demanda tempo e bastante trabalho, além do valor você precisará dedicar dezenas de horas em reuniões com este profissional, para alinhar o projeto com suas expectativas.

Geralmente este profissional cobra por metro quadrado, depende muito de região para região, mas uma média é de R$25,00 a R$50,00 por m². 

Contratar um engenheiro

O engenheiro é o profissional responsável por elaborar os projetos complementares da construção e por fazer o acompanhamento da execução da obra.

Dentre esses projetos complementares estão os estrutural, elétrico e hidráulico. Ele também pode realizar a elaboração de projetos arquitetônicos, mas geralmente trabalha junto com arquitetos para tal.

Ou seja, geralmente arquiteto e engenheiro trabalham em conjunto na elaboração e execução de obras. Por isso, não existe o ideal, existe o projeto a ser contratado e executado. 

Mas e onde entra a história de projeto pronto? Vamos ver agora…

Comprar um projeto pronto na internet

A internet possibilitou que diversas empresas e profissionais pudessem oferecer seus produtos e serviços de forma mais fácil, rápida e muitas vezes mais em conta, e isso também chegou no setor da construção civil.

Hoje você pode comprar um projeto desenvolvido por um arquiteto e engenheiro sem gastar horas e horas em reuniões, fazendo alterações daquilo que você não gostou e ainda pagando um valor mais acessível no seu projeto, sem perder qualidade.

O mais legal é que não tem chance de você não gostar do seu projeto, pois você está vendo o projeto pronto antes de comprar.

Dentro do processo de desenvolvimento de um projeto, você passa todas informações de como quer sua casa para o arquiteto ou engenheiro, esse profissional irá desenvolver um estudo para te apresentar e tem uma grande chance de você não gostar e querer alterar, o que leva em mais custos.

Por ser possível atender em todo Brasil e possuir um processo de desenvolvimento de projetos em escala, os valores dos projetos prontos chegam a custar menos da metade do preço de um projeto feito de forma antiga, muitas vezes não chega a 1% do valor total da da obra.

Gostou dessa solução de projeto pronto? Quer saber como funciona na prática a compra de projetos prontos, clique aqui que vou te explicar tudo sobre! 

fachada projeto EA-172

Uma obra bem sucedida começa com um bom projeto, elimine os riscos e Entenda Antes de construir!

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Seu projeto, a construção de uma casa é algo maravilhoso, você se dedicará para deixá-la do jeito que sempre quis, confortável e bonita para atender as necessidades da sua família.

Quando pensamos em construir, surgem diversas dúvidas e receios, mas calma, vamos te ajudar a entender todo o processo de construção para que você tenha uma obra bem sucedida.

Falando em obra bem sucedida, o que seria uma obra bem sucedida?

Bom, basicamente está relacionada a documentação em dia, administração do tempo, recursos e a equipe dentro e fora do canteiro de obras a fim de cumprir o cronograma e a previsão financeira proposta no orçamento do projeto inicial.

Com isso em mente, temos um norte, um guia para nos direcionar rumo a uma obra bem sucedida.

O primeiro passo é você entender o que você e sua família deseja nessa construção, e para isso o projeto arquitetônico será a representação técnica de todos esses desejos e gostos.

Sendo assim, ele se torna o primeiro passo.

Primeiramente vamos entender qual a finalidade de um projeto arquitetônico:

Os projetos de construção servem para organizar a obra e facilitar a sua execução. Portanto a planta baixa junto com os demais desenhos técnicos formam uma espécie de manual do construtor. Onde os profissionais responsáveis por executar a obra irão ter como guia.

Uma vez que os documentos especificam as dimensões das paredes, níveis de piso, tamanho das portas, janelas e outras informações. É possível prever problemas comuns nas obras. Consequentemente, gastos desnecessários e desperdícios são evitados, ao mesmo tempo que a eficiência no canteiro de obras aumenta.

Tudo isso só é possível graças aos estudos e análises detalhadas que são feitos pelos profissionais habilitados, como arquitetos e engenheiros.

Não perca tempo com projeto para construir sua casa
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Clique para ver Projeto completo EA-138.

 

Vejamos os 3 piores erros que podem acontecer ao construir sem projeto: 

  • Você terá uma obra irregular, correndo risco de multas e paralização.

O profissional que desenvolve projetos conhece a legislação e o fará de acordo com ela. Construir sem um projeto feito por um profissional autorizado, terá como consequência uma obra irregular.

Além disso pode estar sujeita às penalizações da lei, incluindo multas e demolições.

Em algumas circunstâncias, podendo significar gastos ainda maiores para adequá-la, além do valor do projeto, terá o custo da correção da obra.

  • Erros na execução que acarretam a desperdícios e gastos desnecessários

As interpretações equivocadas ou problemas de comunicação estão aptos a acontecerem, em algumas situações até mesmo com o projeto. Mas se simplesmente não existirem esses desenhos, as probabilidades de erro são muito maiores. O que resulta em situações de construir paredes e ter que derrubá-las por que algo não “encaixou”. 

  • Tempo elevado na execução da obra

O proprietário planeja iniciar uma obra visando o começo, meio e fim, mas sem um projeto, pode ser que nunca tenha fim!

É na fase de planejamento, antes da execução, que planeja-se a duração da obra, principalmente se necessitar certa urgência.

Porém, a falta de planejamento resulta na perda de tempo, como refações, deslocamentos na compra de materiais extras, na escolha e encomenda de materiais.

Além disso também na organização da mão de obra e em diversas outras situações.

Se gasta tempo, gasta dinheiro, sendo impossível um orçamento ou previsão de término da obra, se não existir um projeto.

Veja também: Descubra quais são as 3 principais soluções para quem precisa de um projeto para construir.

Certo, mas então como que eu não preciso perder tempo com o projeto para construir, sendo que ele é tão importante?

Não é que você não precisa de um projeto, você simplesmente pode ganhar tempo elaborando um projeto a partir de um modelo inspiração! 

O desenvolvimento de um projeto é algo demorado, é necessário diversas reuniões com o arquiteto ou engenheiro. Muitas vezes após a segunda reunião o profissional te apresenta um esboço com base nas informações que você forneceu a ele. Contendo por exemplo o tamanho do terreno, quantidade de quartos que deseja, tamanho da construção. Caso deseja fazer um sobrado ou uma casa térrea essas demais informações estarão nesse projeto.

No entanto, existe uma grande chance de você não gostar da ideia apresentada, e pedir para alterar dezenas de coisas. Lembre-se todas essas reuniões e alterações, além do custo, também levam um tempo para serem realizadas. Para evitar isso, é possível iniciar o seu projeto a partir de um modelo inspiração e assim agilizar o desenvolvimento do seu projeto. Com isso é possível reduzir custo na elaboração do projeto, além de diminuir o risco de você não gostar do projeto.

Hoje em dia, existem outras opções que além de serem mais acessíveis também garantem a satisfação de que você está pagando por um projeto que realmente gostou. Digamos que existem 3 opções para você adquirir o seu projeto, cada uma delas com suas vantagens e desvantagens, como tudo na vida, se você quer conhecer essas 3 opções, clique aqui. 

financiamento: tudo o que você precisa saber!

Financiamento: Um guia completo com tudo que você precisa saber

Ter a casa própria, comprar um carro e se formar na faculdade. É bem provável que você tenha pelo menos um desses sonhos. Acertamos? Mas sabemos que não é fácil concretizar esses desejos, principalmente porque eles exigem um alto investimento. É aí que entra o financiamento: uma alternativa para adquirir seus bens sem precisar ter todo o dinheiro no momento da compra. 

É claro que esse termo já deve ser familiar para você, seja em propagandas, nos noticiários ou ouvindo o relato de algum conhecido que financiou um bem. Mas será que você sabe exatamente o que é e como funciona um financiamento?

Já adiantamos que não é um bicho de sete cabeças. Contudo, você precisa conhecer bem sobre o assunto antes de fazer uma contratação.

É por isso que elaboramos este guia completo com tudo que você precisa saber sobre financiamentos. Nele você vai descobrir: 

  • O que é e como funciona um financiamento;
  • Quais são os principais tipos de financiamento;
  • Onde contratar e simular um financiamento;
  • E outros tópicos importantes. 

Preparado para solucionar todas as suas dúvidas sobre financiamento? Então vamos lá! 

O que é financiamento?

Primeiramente, vamos esclarecer o que é um financiamento? Essa é uma modalidade de crédito na qual você solicita determinada quantia de dinheiro a uma instituição financeira (banco, cooperativa de crédito ou companhia financeira) e pode pagar de maneira parcelada e com uma taxa de juros. 

É importante ficar atento a uma particularidade: o financiamento é destinado para aquisição de um bem específico, como casa, carro etc. Ou seja, o dinheiro para pagar o produto é entregue diretamente ao estabelecimento, seja uma concessionária, construtora ou outro tipo de empresa.

É principalmente esse detalhe que diferencia o financiamento de um empréstimo, por exemplo. Nessa última modalidade, você solicita dinheiro emprestado e pode usá-lo da forma que quiser. 

Como funciona um financiamento?

Normalmente, os financiamentos são usados para adquirir bens de alto valor e, por envolver altas quantias de dinheiro, a transação deve ser segura e transparente para todas as partes envolvidas. 

Para financiar uma casa, por exemplo, você deve solicitar o crédito direto na construtora ou com a instituição financeira. Após avaliar o seu perfil e analisar informações, como a renda familiar, o banco resolve autorizar ou não a transação. 

Caso o financiamento seja aprovado, a construtora ou imobiliária recebe o dinheiro e o imóvel é seu. Em outras palavras: o banco compra o bem do fornecedor e recebe esse dinheiro com juros todos os meses diretamente do comprador.

Mas é claro que esse processo deve ser formalizado por um contrato assinado entre comprador e instituição financeira. O valor do bem, juros e demais taxas são especificados no contrato. Portanto, você saberá quanto pagar pelo financiamento de maneira antecipada. 

Regras para obter um financiamento

De modo geral, qualquer pessoa com mais de 18 anos de idade pode solicitar um financiamento. Contudo, isso não é uma garantia de que a transação seja aprovada. Isso porque as instituições financeiras têm suas próprias regras para avaliar o perfil do solicitante e definir se ele está apto a obter um financiamento. 

Essas regras variam de acordo com o banco ou cooperativa de crédito, por exemplo. Da mesma maneira, podem variar de acordo com o tipo de financiamento, ou seja, se é um financiamento imobiliário, de veículos etc. 

Mas uma regra comum em todos é que o solicitante não pode ter o nome vinculado aos órgãos de proteção ao crédito, como SPC e Serasa. 

Tipos de financiamento

tipos de um financiamento

Comprar a casa própria, construir uma casa do zero, adquirir um carro…

Esses são os objetivos mais comuns para quem busca um financiamento. Quer conhecer quais outros bens você pode financiar e como funciona cada um dos tipos de financiamento? Então confira os tópicos a seguir.

Financiamento imobiliário

O financiamento imobiliário é a modalidade mais utilizada, seja para quem quer realizar o sonho de morar na casa própria ou fazer um investimento. 

Atualmente, a maioria dos financiamentos imobiliários são realizados pela Caixa Econômica Federal. Um dos grandes atrativos dos financiamentos imobiliários da Caixa são os juros mais baixos e as facilidades de parcelamento, principalmente para a população de baixa renda. Assim, é possível financiar um imóvel e pagar em até 360 parcelas, ou seja, em 30 anos). 

Além dos programas de financiamento para pessoas de baixa renda, como o Casa Verde e Amarela, que substituiu o Minha Casa Minha Vida, o banco também possui outras linhas de crédito, inclusive para imóveis mais caros. 

As condições de negociação variam bastante mas, de modo geral, dependem do perfil do comprador. O banco analisa, principalmente, o histórico de crédito e a renda familiar. 

Faça a sua simulação habitacional da Caixa para adquirir um imóvel novo ou usado.

Algumas características específicas dos financiamentos imobiliários são: 

  • Normalmente, as instituições financeiras financiam até 80% do valor do imóvel. Portanto, esteja preparado para pagar uma entrada. 
  • O comprador pode utilizar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para dar entrada, pagar uma parte ou amortizar a dívida. 
  • Fique de olho para não se endividar: o financiamento só é autorizado pela instituição financeira caso o valor da prestação comprometa, no máximo, 30% da renda bruta familiar. 

Onde contratar um financiamento imobiliário?

Conforme já citamos, várias instituições financeiras oferecem financiamento imobiliário. Conheça as características das principais opções:

Banco do Brasil 

O BB Crédito Imobiliário permite que você financie até 80% do valor de um imóvel novo ou usado e pague em até 420 meses. Uma das facilidades é que o financiamento pode ser contratado pela internet.

Faça uma simulação do BB Crédito Imobiliário

Itaú

Já o financiamento imobiliário do Itaú cobre até 90% do valor do imóvel com prazo de até 30 anos para o pagamento. Para contratá-lo, é necessário que o imóvel tenha valor mínimo de R$134 mil. 

Faça uma simulação de crédito imobiliário Itaú.

Bradesco

Já o Bradesco oferece duas linhas de crédito imobiliário. A primeira é o financiamento Residencial Poupança Mais, que possui taxa anual fixa + remuneração da poupança. Outra opção é o financiamento Residencial, com taxa anual fixa + TR (Taxa Referencial). 

Simule seu financiamento Bradesco

Santander

O financiamento imobiliário do Santander pode ser contratado pela internet com análise de crédito e aprovação rápida. O banco permite o financiamento de até 80% do valor do imóvel, com até 35 anos para pagamento.

Faça sua simulação do crédito imobiliário Santander.

Taxas de juros do financiamento imobiliário

Cada banco tem taxas e condições diferentes e, por isso, é essencial pesquisar antes de realizar a transação. Confira a seguir um comparativo de taxas de juros de financiamento entre os principais bancos: 

 

BANCO TAXA MÍNIMA DE JUROS
Caixa a partir de 2,95% + IPCA (taxa de inflação)
Caixa (modalidades tradicionais) a partir de 6,5% + TR (Taxa Referencial)
Banco do Brasil     a partir de 3,45% + IPCA 
Itaú a partir de 7,45% + TR
Bradesco a partir de 7,30% +TR 
Santander a partir de 7,99% + TR

 

Obs.: Os dados levantados pelo portal G1 referem-se às taxas praticadas em 2020, portanto, podem sofrer variações.

Financiamento de veículos

Também é possível fazer um financiamento para adquirir seu carro próprio, seja ele novo ou usado. Nesse caso, a dinâmica do financiamento é a mesma: uma instituição financeira empresta o dinheiro para pagar o bem. Esse empréstimo deve ser pago juntamente com taxas e juros em parcelas mensais.

Se você pretende financiar um carro ou moto, por exemplo, é importante saber que existem diferentes modalidades de financiamento. São elas: CDC (Crédito Direto ao Consumidor) e Leasing. 

Crédito Direto ao Consumidor

Essa é a modalidade mais utilizada no financiamento de veículos. Com ela, o consumidor faz um empréstimo em um banco e compra o carro ou moto em seu nome

Apesar de o comprador ter a posse, o veículo fica alienado ao banco. Em outras palavras: o veículo serve como garantia de que a dívida será paga, já que o bem financiado pertence ao banco até que todas as parcelas sejam pagas. 

Esse tipo de financiamento pode ser feito com a intermediação entre a concessionária e instituição financeira ou contratado diretamente no banco. 

Leasing 

Outra opção de financiamento de veículos é o leasing. Nessa modalidade, é possível ter um carro novo, sem precisar comprá-lo. Na prática, funciona como um aluguel: o cliente paga para usar o veículo que é de propriedade da empresa credora. 

Nesse caso, o cliente paga apenas uma parte do carro e, por isso, o valor da parcela e a taxa de juros são menores. Apesar do valor mais atrativo, é preciso pensar bem antes de contratar um leasing. Isso porque, ao fim das prestações, o consumidor pode escolher se vai ficar com o carro, devolver à empresa ou trocar por outro modelo. 

Caso escolha ficar com o veículo, será necessário pagar um valor para concretizar a compra. Muitas vezes, pode sair mais caro do que um financiamento CDC. 

Financiamento para construção

Ter a casa própria do jeito que sempre sonhou parece um sonho distante pra você? O financiamento para construção pode facilitar esse processo. Com algumas características em comum com o financiamento tradicional, nessa opção é possível financiar o terreno e a construção da casa. Outra possibilidade é financiar somente os gastos com a construção em si. 

Assim como citamos no tópico sobre financiamento imobiliário, no crédito para construção é possível financiar até 80% do valor total, bem como utilizar seu saldo do FGTS para abater a dívida. 

A maioria dos bancos realizam esse tipo de financiamento e, inclusive, ele pode ser enquadrado nos programas de subsídio do governo, como Minha Casa Verde e Amarela. 

Financiamento estudantil

Diferentemente dos outros tipos de financiamentos, nesta modalidade o contratante não adquire um bem material. O financiamento estudantil é uma alternativa para quem não tem condições de pagar o valor integral das mensalidades de um curso de graduação. 

O mais conhecido é o FIES (Fundo de Financiamento Estudantil), um programa do governo federal em parceria com a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil. 

O Fies funciona da seguinte maneira: a instituição financeira repassa o pagamento das mensalidades à instituição de ensino. O pagamento do financiamento só é realizado pelo estudante após a conclusão do curso. 

Uma das vantagens do Fies é oferecer um financiamento com juros mais baixos que um empréstimo comum. Dependendo da renda familiar do estudante, é possível conseguir um financiamento com juros zero.

Vale ressaltar que o Fies não é a única opção de financiamento estudantil. Outros bancos também oferecem essa modalidade com critérios próprios e taxas de juros mais altas. 

Entenda o que é a amortização do financiamento

amortização de financiamento

Já ouviu falar no termo “amortização” mas ainda não sabe o que isso significa? Deixa que a gente explica. 

Basicamente, amortizar um financiamento é reduzir o valor da dívida, seja parcial ou totalmente. Em outras palavras, a amortização é o pagamento das parcelas mensais ao banco. Assim, o saldo devedor ficará menor a cada mês, ou seja, será amortizado.  

Dessa maneira, o valor da parcela de um financiamento habitacional, por exemplo, é a soma da amortização (o valor do bem), juros e encargos financeiros. 

Existem diferentes tipos de amortização de um financiamento e os mais utilizados são as tabelas Price e SAC.

Na Tabela Price, as parcelas têm um valor fixo do começo ao fim das prestações. Já a amortização aumenta com o passar do tempo. Essa modalidade é mais utilizada na aquisição de veículos

No Sistema de Amortização Constante (SAC), o valor das prestações são decrescentes, ou seja, vão diminuindo com o passar do tempo. Já o valor da amortização do saldo devedor é constante. Esse é o método mais utilizado em financiamentos imobiliários. 

Vale a pena fazer um financiamento?

Depende. Essa resposta pode não agradar muito, mas já vamos explicar porque não existe uma resposta definitiva. 

Cada caso é um caso e seria imprudente da nossa parte induzi-lo a financiar ou fazê-lo desistir do procedimento. Então, para ajudá-lo a considerar se vale a pena financiar uma casa ou carro, por exemplo, considere os seguintes aspectos: 

Condições de financiamento

Financiar significa que você vai conseguir um dinheiro emprestado imediatamente para pagar no futuro e em parcelas. Ou seja, você terá que pagar o valor para adquirir o bem, além de pagar juros e correção monetária. 

Portanto, avalie bem as condições de financiamento, incluindo: 

  • valor da entrada 
  • taxas de juros
  • prazo do financiamento
  • valor final a ser pago

Quer avaliar se o financiamento é vantajoso para você? A nossa dica é utilizar os simuladores de cada banco. Dessa maneira, você tem uma visão geral das condições e pode comparar as condições de cada instituição financeira. 

Analise também o valor total que será pago e questione-se: em quanto tempo levaria para comprar à vista? Por mais que pareça algo inalcançável, é necessário pensar fora da caixa antes de tomar uma decisão tão importante. 

Dúvidas frequentes

dúvidas sobre financiamento

1. Financiamento não aprovado: o que fazer?

Conforme já explicamos, a instituição financeira pode aprovar ou não o pedido de crédito. No caso de financiamento negado, os motivos podem ser os seguintes: 

  • Restrição de crédito, ou seja, ter seu nome cadastrado no SPC ou Serasa;
  • Problemas no INSS ou Receita Federal, como pendência na Declaração de Imposto de Renda, dívidas ativas e impostos atrasados;
  • Nome incluso no Cadastro de Emitentes de Cheque Sem Fundo (CCF);
  • Problemas na comprovação de renda. 

Teve seu financiamento negado? Normalmente, as instituições de crédito impõem restrições que impedem uma nova solicitação imediata. Em financiamentos imobiliários, por exemplo, o solicitante pode ficar proibido de solicitar um novo crédito durante seis meses. 

Se esse foi o seu caso, analise todos os documentos para encontrar e solucionar o fator que impediu a aprovação do financiamento. 

2. Quem tem financiamento pode ser fiador?

Normalmente não. Isso porque, ao se tornar um fiador, é necessário dar garantias à instituição de que pagará a dívida caso ela não seja quitada pelo responsável. Ou seja, o imóvel do fiador poderá ser penhorado. 

No caso de uma casa financiada, a propriedade só é do comprador depois que a dívida estiver quitada com o banco. Logo, não serve como uma garantia. 

Da mesma maneira, ser fiador pode impedir o financiamento em algumas situações. Afinal, ser fiador é um compromisso financeiro que pode comprometer a sua capacidade de pagar o valor que foi emprestado. 

3. Quando quitar um financiamento tem desconto?

Não quer esperar 10, 20 ou 30 anos para terminar de pagar um financiamento? Ou então, recebeu um dinheiro extra e quer logo acabar com a dívida? Seja qual for a situação, é interessante saber que você pode sim quitar um financiamento antes do prazo e ainda ter um desconto. 

Esse desconto é calculado sobre os juros da transação proporcionalmente ao tempo de adiantamento. Assim, a dívida pode sair mais barata do que o esperado. 

Mas, antes de optar por adiantar o pagamento, faça cálculos para verificar se essa alternativa é vantajosa financeiramente. 

4. O que acontece se o cliente deixar de pagar as prestações do financiamento?

Se você não quer ter dor de cabeça, definitivamente não atrase as prestações de um financiamento. Imagine estar perto de realizar o sonho da casa própria e simplesmente ter o imóvel retomado pelo banco? Pois é isso que pode acontecer com a inadimplência da dívida. 

No caso do financiamento imobiliário, por exemplo, os bancos estipulam um período de tolerância. Normalmente, eles permitem cerca de três prestações em atraso.

Depois disso, o banco pode acionar o cliente extrajudicialmente, dando o prazo de 15 dias para quitar a dívida em atraso. Caso contrário, o imóvel voltará a ser propriedade do banco e levado a leilão. 

Esse mesmo procedimento também pode ser realizado em outros tipos de financiamento, como de carros e motos. Então é melhor não arriscar, concorda?

Conclusão

Agora que você já entendeu mais sobre financiamentos, está mais preparado para tomar uma decisão. Então, use as dicas para fazer a simulação e analise bem sua realidade financeira antes de contratar um financiamento. 

Agora queremos saber: você faria um financiamento para realizar qual sonho? Comprar a casa própria, construir a casa dos sonhos, adquirir um carro ou concluir a graduação? Compartilhe nos comentários!

 

Se seu sonho é ter sua casa própria, hoje em dia existe a opção de compra de projeto, que além de ser mais acessível também garante a satisfação de que você está pagando por um projeto que realmente gostou. Digamos que existem 3 opões para você adquirir o seu projeto, cada uma delas com suas vantagens e desvantagens, como tudo na vida, se você quer conhecer essas 3 opções, clique aqui. 

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Quando você começa uma obra, seja uma construção ou reforma, há dúvida sobre quanto será gasto. Afinal, a obra deve caber no seu bolso! Ou seja, você não quer começar algo e acabar parando no meio do caminho por falta de dinheiro. E para que não tenhamos surpresas no decorrer da execução do projeto, o ideal é elaborar orçamentos de obra. Portanto ele é fundamental e é uma garantia de que tudo sairá da maneira que se deseja no prazo estabelecido e o mais importante, pelo valor esperado e disponível. 

Mas é aí que surge uma outra dúvida também muito comum: como fazer orçamentos de obra? Pois bem, pensando nisso, elaboramos este conteúdo especialmente para você. Acompanhe e boa leitura!

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Entenda Antes!

O que são orçamentos de obra? 

Orçamentos de obras são documentos que tem como objetivo determinar todos os gastos para a execução de uma obra, ou seja do projeto até a finalização. Por meio deles, o proprietário da obra e o construtor conseguem manter controle dos gastos de forma mais eficiente.

Eles são elaborados somando-se os custos diretos, custos indiretos, impostos e o lucro esperado pelo construtor. 

Portanto a elaboração de orçamentos de obra é tão importante que, na maioria das vezes que se encontra uma obra não finalizada ou mal acabada. Por fim, o motivo foi um orçamento elaborado de forma incorreta, sem a previsão de algum gasto significativo.

E não pense que só as grandes obras precisam de orçamento. Certamente ele é parte fundamental de qualquer construção, já que é o instrumento usado para obtenção e fixação do preço-base. Sem uma estimativa precisa, é muito provável que, durante a construção, acabe o dinheiro para finalizar os serviços previstos. 

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Entenda Antes!

Classificações dos orçamentos de obra:

Dependendo da fase em que se encontra o projeto, pode-se classificar os orçamentos de obra. São eles estimativa de custo, orçamento preliminar e orçamento analítico ou detalhado.

Sendo assim, vejamos agora, em detalhes, cada um deles:

  • Estimativa de custos

Avaliação aproximada dos custos do projeto e é feita com base em projetos anteriores semelhantes na mesma região da edificação ou em tabelas desenvolvidas por empresas privadas ou públicas.

Na elaboração da estimativa de custos, o indicador mais usado é o CUB (Custo Unitário Básico) que é obtido através de uma pesquisa mensal realizada pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil de cada estado (SINDUSCON). Ele indica o valor médio por metro quadrado de cada estado obtido. Isso por meio de coleta dos valores praticados pelas construtoras.

Você pode consultar o CUB de cada um dos estados brasileiros clicando aqui.

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Clique para ver Projeto completo EA-138.

 

  • Orçamento preliminar

Aqui o detalhamento é maior e já são estimadas as quantidades e os custos de pequenos pacotes de trabalho. 

Já se pode estimar, por exemplo, espessuras das lajes de concreto e a quantidade de cimento por m³. Bem como, a mão de obra que será necessária para a execução dos serviços.

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Entenda Antes!

 

  • Orçamento analítico

O orçamento analítico é a maneira mais detalhada e precisa de se determinar os custos de uma construção e por isso, é o mais utilizado. 

Aqui, faz-se o uso de composições de custos de cada serviço que será realizado na obra discriminando a quantidade de material, os equipamentos e mão de obra que serão utilizados. 

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Entenda Antes!

Etapas dos orçamentos de obras

Veja a seguir quais as etapas que devem ser seguidas na hora da elaboração dos orçamentos para construção.

  1. Análise de viabilidade da obra: feita por engenheiros e arquitetos. Será analisada a viabilidade da obra e deverá ser levado em conta vários fatores. Como por exemplo, o que será construído, para quem,  por quê e qual será o lucro gerado; 
  2. Documentação: serão analisados todos os documentos que serão necessários para a execução da obra, bem como os possíveis custos para a aprovação delas;
  3. Análise do potencial do empreendimento: é preciso calcular o tempo médio que a obra vai levar e os possíveis atrasos para aí fazer uma previsão do mercado imobiliário para quando a obra for concluída;
  4. Estudo das variáveis: levantamento de tudo que irá gerar custos (gastos com profissionais responsáveis pelo projeto e pela execução, os materiais, licenças, tributos, etc.). Com tudo em mãos, os dados deverão ser organizados em planilhas, tabelas e memoriais descritivos para agilizar as etapas posteriores. Esta etapa precisa ser muito específica e organizada;
  5. Composição de custos: todos os custos diretos e indiretos devem ser listados e o engenheiro responsável deve calcular os quantitativos de tudo que será necessário para a construção. Em seguida, devem ser coletados os preços de mercado para os insumos e mão de obra. Para isso, existem algumas tabelas de composição de custos prontas, elaboradas por empresas públicas e privadas para estabelecer um padrão dos serviços, como por exemplo o Sistema Nacional de Preços e Índices para a Construção Civil (SINAPI);
  6. Fechamento do orçamento de obras: hora de calcular o lucro que deseja obter. E, nesse cálculo deverá ser levado em consideração aspectos como riscos, concorrência e o mercado imobiliário.

 

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Entenda Antes!

Os erros mais comuns em orçamentos de obra  

Erro nos orçamentos de obra, por menores que sejam, podem trazer um grande transtorno. Por isso, cuidado com os seguintes itens: 

  • De nada adianta elaborar um orçamento detalhado se ao final você se esquecer de verificar os custos indiretos, ou seja, daquelas despesas decorrentes de atividades que, embora não estejam diretamente relacionadas à obra, são necessárias para o seu andamento. Como exemplo dessas despesas podemos citar: gastos com funcionários administrativos, materiais de escritório, taxas, seguros, etc.;
  • Não use índices desatualizados em hipótese alguma. É preciso sempre atualizar os índices com informações fornecidas pelos serviços no canteiro de obras;
  • Na elaboração dos orçamentos de obras  é preciso analisar os principais métodos construtivos, já que isso pode significar economia significativa de recursos e uma obra muito mais rápida.

 

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Entenda Antes!

 

Portanto para evitar erros comuns dentro da execução de uma obra, nós do Entenda Antes – O Mundo da Construção, sugerimos fazer contato com um especialista em projetos e construções, deixe seus dados abaixo e converse com um profissional da área!

Conclusão

Os orçamentos de obras são complexos, porém  indispensáveis. Trata-se de uma etapa importante que deve ser feita de forma individualizada para cada obra. Afinal, cada construção é única e repleta de detalhes.

A boa notícia é que é possível encontrar várias ferramentas e tecnologias que facilitam o trabalho. E além disso, garantem maior precisão nos cálculos na hora da elaboração dos orçamentos. Portanto uma das grandes facilidades encontradas no mundo da construção é a facilidade da compra de um projeto que seja exatamente o que você deseja e precisa. Para saber mais Clique Aqui

Porém, isso não é motivo para dispensar os profissionais orçamentistas que estão sempre preparados, atualizados e entendem cada etapa do processo. E o Entenda Antes pode te ajudar a encontrar profissionais, te poupando tempo de busca e agilizando no processo de escolha do profissional.  Sendo assim para solicitar um orçamento, basta clicar no botão do WhatsApp no canto ao lado.

Portanto quer saber mais sobre o assunto orçamentos de obra? Confira outros dois conteúdos que já publicamos aqui relacionados com o tema:

 

Orçamentos de obra: o que é e como fazer?
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Entenda Antes!

 


Criamos o Entenda Antes porque acreditamos que a troca de conhecimento, informação e experiência é o único meio que realmente tem o poder de melhorar as pessoas, melhorar os negócios e o mundo como um todo.

Acima de tudo acreditamos que não precisa ser difícil e demorado encontrar bons profissionais e realizar orçamentos para fazer um bom negócio. Portanto fazemos isso porque o mundo pede mais agilidade, facilidade e comodidade.

Em conclusão seja com projetos arquitetônicos prontos ou personalizados, deixe seu WhatsApp e e-mail para nós e aproveite para receber uma revista de projetos prontos!

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   

Plantas de casas para terrenos 10×20 – Modelos e dicas!

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Neste artigo, iremos abordar alguns modelos e daremos algumas dicas de plantas de casas para terrenos 10×20. De antemão cumpre destacar que nós trabalhamos para facilitar a vida de quem vai construir uma casa, seja em área urbana ou área rural.

Confira no decorrer deste artigo as melhores plantas de casas para terrenos 10×20 metros. Se preferir, solicite uma conversa para falar sobre projeto personalizado com a nossa equipe, será um prazer fazer uma casa especialmente para você.

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20:

Primeiramente, gostaria de pontuar que uma das principais dúvidas na hora de construir é a escolha do tamanho do imóvel.

Plantas de casas para terrenos 10x20 - Modelos e dicas!
Plantas de casas para terrenos 10×20 – Modelos e dicas!

 

Para casais recém-casados, uma residência de 01 ou 02 quartos surge como uma ótima opção. Entretanto, quando se trata de uma família maior, a melhor escolha está na casa de 03 quartos, já que possuem um tamanho maior, sendo suficiente para acomodar a família toda.

Nesse sentido, existem diversas opções de projetos de plantas de casas terreno 10×20 com essas características.

 

Plantas de casas para terrenos 10x20 - Modelos e dicas!
Plantas de casas para terrenos 10×20 – Modelos e dicas!

 

Dessa forma, os projetos de 03 quartos podem e devem abranger os mais variados estilos, trazendo desde plantas mais simples, contendo apenas os cômodos básicos, sendo eles: sala; cozinha; banheiro; área de serviços e os quartos; como também as versões mais elaboradas, incluindo opções contendo: suíte; área de lazer; cozinha americana e closet, mesmo quando tratamos de plantas de casas terreno 10×20, conforme mostraremos a seguir, alguns modelos e dicas de casas funcionais e de fácil construção.

Veja os primeiros 3 modelos:

Planta de casa – Projeto Arquitetônico composto por 2 quartos e 1 suíte, garagem para 2 veículos. 113 m² de área construída.

 

A planta da casa abaixo contém uma suíte para o casal; mais dois quartos interligados ao banheiro social; um corredor no centro com uma pequena bancada para um escritório ou até mesmo como local de estudos. Uma cozinha de fácil acesso para a sala de jantar e sala de estar, como também para a lavanderia.

Ademais, uma varanda protegendo a entrada principal e a garagem contendo vaga para dois carros; sem deixar de lado a fachada com estilo moderno e telhado já embutido.

 

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-100.

 

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-100.

 

Planta de casa  – Projeto Arquitetônico composto por 3 quartos (1 suíte), garagem para 2 veículos. 139m² de área construída.

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-121.

Planta de casa  – Projeto Arquitetônico composto por 3 quartos (1 suíte), garagem para 2 veículos. 133m² de área construída.

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-141.

 

Entre as plantas de casas terreno 10×20 contendo 03 quartos, uma das alternativas mais procurada é a casa térrea, já que possui um projeto que acomoda muito bem uma família composta por até cinco pessoas.

No último projeto, conforme demonstrado na imagem; na parte frontal, possui um jardim e garagem para dois carros. Dando continuidade, na parte inicial do imóvel estão a sala de estar conjugada com a sala de jantar, a cozinha e a lavanderia.

Além disso, ao avançarmos pela casa, temos o banheiro social, uma área utilizada como jardim de inverno, e um dos quartos, com medidas suficientes para duas camas. O segundo quarto, com um tamanho um pouco menor, ideal para uma cama e por último o quarto de casal, com suíte.

 

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-141.

 

Assim, esse é apenas um dos muitos e diversos exemplos de plantas de casa terreno 10×20 com 03 dormitórios. Existem MUITAS outras opções e variações possíveis, como por exemplo a exclusão da suíte e a opção por um quarto maior.

Caso esteja interessado em mais detalhes sobre qualquer um dos projetos, clique no botão do WhatsApp ao lado e fale com nosso consultor.

Veja mais modelos para se construir em terrenos 10 por 20:

Planta de casa – Projeto Arquitetônico composto por 3 quartos (2 suítes), garagem para 2 veículos. 163,62m² de área construída.

 

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Clique para ver Projeto completo EA-112.

 

Outra alternativa bastante interessante para aproveitar ao máximo o espaço do terreno 10×20, é apostar na construção de um sobrado com 03 quartos, com a possibilidade de ter um imóvel bem confortável.

Nesse sentido, a parte inferior seria reservada para ambientes como salas de estar e jantar, cozinha, despensa, lavanderia e lavabo, contendo ainda, a cobiçada área de lazer, com espaço gourmet e churrasqueira.

Já na parte superior, ficariam os três quartos, contendo sacada em todos eles, e o banheiro social. Destacamos ainda que, no quarto de casal, teria suíte e closet, com um grande espaço disponível capaz de garantir todo o conforto aos seus usuários.

Agora que você já sabe como é possível utilizar muito bem esse tipo de lote para erguer a sua nova casa, que tal ver mais alguns modelos e dicas de plantas de casas terreno 10×20?

 

Planta de casa – Projeto Arquitetônico composto por 2 quartos (1 suíte), garagem para 2 veículos. 159m² de área construída. 

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Orçamentos de obra: o que é e como fazer? | Clique para ver Projeto completo EA-107.

Este outro projeto de plantas de casas terreno 10×20 é um sobrado prático e com a possibilidade de vários usos, contendo uma sala ampla, uma boa cozinha, 2 dormitórios no pavimento superior, sendo uma suíte.

Uma casa ideal para acomodar uma família pequena, com um filho. Ainda vale a pena destacar, um espaço em baixo da escada destinado para escritório, que também poderá ser utilizado como biblioteca ou até mesmo o que a sua imaginação preferir.

Os últimos projetos para terrenos 10×20:

Por fim, abaixo estão os últimos modelos de casas que são compatíveis com terrenos 10×20, podem ser cobertas com telha de barro, conter garagem coberta, sala de estar e de jantar conjugadas, com 2 ou 3 quartos, podendo ter suíte, área de serviço, área de churrasqueira, enfim. 

Planta de casa – Projeto Arquitetônico composto por 2 quartos (1 suíte), garagem para 2 veículos. 99m² de área construída.

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-131.

Planta de casa – Projeto Arquitetônico composto por 2 quartos, garagem para 1 veículo. 72m² de área construída.

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-122.

 

Planta de casa – Projeto Arquitetônico composto por 3 quartos (1 suíte), garagem para 1 veículo. 94m² de área construída. 

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-126.

 

Planta de casa – Projeto Arquitetônico composto por 2 quartos, garagem para 1 veículo. 83m² de área construída.

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-105.

 

Planta de casa – Projeto Arquitetônico composto por 3 quartos, garagem para 2 veículos. 114m² de área construída.

Modelos e dicas de plantas de casas com terreno 10 por 20   
Projetos para Terrenos 10×20 | Clique para ver Projeto completo EA-123.

Conclusão

Sendo assim estes modelos são ideais para aqueles que buscam o financiamento através do programa Casa Verde Amarela, substituta do programa Minha Casa Minha Vida; ou para quem pretende investir em casas populares.

Agora você passou a conhecer vários modelos de plantas de casas terreno 10×20. Por isso, que tal começar a pensar na sua?

Saiba que você pode adquirir esses projetos prontos ou então personaliza-los. Clique aqui e veja como. 

É com enorme alegria que compartilhamos esse conteúdo com você leitor. Se ainda te resta qualquer tipo de dúvida, sinta-se à vontade para entrar em contato conosco. Contamos com uma equipe de profissionais altamente qualificados, prontos para oferecer, com total segurança e eficiência, todo o suporte necessário.


Criamos o Entenda Antes porque acreditamos que a troca de conhecimento, informação e experiência é o único meio que realmente tem o poder de melhorar as pessoas, melhorar os negócios e o mundo como um todo.

Acreditamos que não precisa ser difícil e demorado encontrar bons profissionais e realizar orçamentos para fazer um bom negócio. Fazemos isso porque o mundo pede mais agilidade, facilidade e comodidade.

Solicite um contato para o que você precisa sobre o mundo da construção e iremos te ajudar a realizar o melhor negócio, seja com projetos arquitetônicos prontos ou personalizados, deixe seu WhatsApp e e-mail para nós e aproveite para receber uma revista de projetos prontos!

arquitetura paramétrica

Arquitetura paramétrica: o que é e onde posso usar?

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Você já ouviu falar a respeito de arquitetura paramétrica? Não? Mas certamente você já ouviu falar ou já visitou o Centro Aquático de Londres ou o Walt Disney Concert Hall, não? Caso não, basta realizar uma rápida pesquisa pelo Google para avistar essas belíssimas obras de arte arquitetônicas.

Elas foram idealizadas por Zaha Hadid e Frank Gehry, respectivamente. Esses são grandes nomes da arquitetura paramétrica. Certamente, ao conferir as imagens, você perceberá que já viu outras estruturas arquitetônicas no mesmo estilo. Mas talvez não tenha visto residências comuns com um estilo arquitetônico tão diferenciado, não é mesmo?

A boa notícia é que é possível sim aplicar o conceito da arquitetura paramétrica em sua residência e deixá-la mais sofisticada e moderna. Sendo assim, continue acompanhando este post e saiba mais sobre o assunto. Boa leitura!

O que é arquitetura paramétrica?

Arquitetura paramétrica significa aplicar os conhecimentos específicos da arquitetura a dados, tais como a carta solar e os ventos predominantes, por exemplo, para gerar parâmetros que irão servir de fundamento para a criação do projeto arquitetônico. 

Para isso, são utilizados softwares de computação gráfica e análise de parâmetros a partir de algoritmos. Esses algoritmos irão orientar o trabalho do arquiteto para que ele crie um projeto que atenda aos parâmetros propostos. 

Sendo assim, a arquitetura paramétrica nada mais é do que elaborar um projeto arquitetônico a partir de parâmetros. Vale destacar que as formas obtidas no design paramétrico são mais orgânicas que as formas comuns. Por isso, o design planejado a partir de parâmetros se destaca perante os demais. 

Devido ao incrível e inovador design obtido através desse método, diversas outras áreas o aplicam, principalmente no design de produtos. Dentre os exemplos mais comuns, temos o setor automobilístico e o setor de vestimenta e acessórios. 

Onde e como surgiu?

Não há um consenso sobre onde e como surgiu a arquitetura paramétrica.

Não há um consenso sobre onde e como surgiu a arquitetura paramétrica. Uma das versões aceitas aponta que a expressão apareceu a partir do intenso uso da computação nos projetos arquitetônicos. Sendo assim, o avanço tecnológico possibilitou que a arquitetura se aperfeiçoasse, surgindo assim um novo ramo, a arquitetura paramétrica. 

Em 2008, Patrik Schumacher, que é o atual proprietário do escritório da Zaha Hadid, apropriou-se da expressão “Parametric Design”.

Como usar no meu imóvel?

Como você pôde perceber, a arquitetura paramétrica pode ser empregada de diversas maneiras. Desse modo, não há um local específico de seu imóvel que você não possa aplicar esse conceito.

Nesse sentido, por mais que vejamos muito a arquitetura paramétrica ser aplicada em grandes projetos arquitetônicos, ela pode ser facilmente utilizada para a construção de seu lar. Para isso, basta contar com um profissional especializado. 

Sendo assim, veja a seguir algumas dicas de como usar a arquitetura paramétrica em seu imóvel.

  • Fachada da residência

Uma dica interessante de uso da arquitetura paramétrica é na fachada da casa. Isso porque esse tipo de arquitetura se destaca perante as demais, evidenciando a beleza de sua residência. 

  • Jardim

Caso você goste de cultivar um jardim bonito, a arquitetura paramétrica pode auxiliá-lo a possuir um jardim ainda mais elegante. Você pode conversar com o seu arquiteto e juntos elaborarem uma estrutura diferenciada para servir de suporte para as plantas. O caráter orgânico da construção ficará lindo com o jardim colorido ou repleto de folhagens.

  • Área da piscina

A arquitetura paramétrica também pode auxiliar você a deixar a área da piscina mais charmosa, confortável, convidativa e sofisticada. Converse com o seu arquiteto e veja a possibilidade de elaborar uma estrutura para resguardar a parte da piscina. Ou seja, uma espécie de parece, mas bem trabalhada dentro dos parâmetros selecionados. 

A estrutura pode ser vazada, o que possibilitará a entrada do sol, mas também sombra. Assim, a família e os amigos se sentirão mais confortáveis em um espaço mais restrito. Mas poderão ter também uma visão ampla do restante do pátio. 

Como a estrutura pode tomar um formato orgânico e ondulado, o arquiteto poderá trabalhar com a ideia de ondas. Além das ondas, o ondulado também poderá lembrar o movimento do vento. Enfim, o frescor necessário para um bom ambiente de verão. 

  • Design de interiores

O design paramétrico também é muito aplicado no design de interiores. Sendo assim, invista em alguns locais da residência, mas não todos. Como a arquitetura paramétrica se destaca, é necessário que o profissional tome os devidos cuidados para não exagerar na dose. 

Sendo assim, é possível realizar todo o design interior com parâmetros, mas em alguns cômodos é interessante criar designs mais limpos. O que irá proporcionar uma maior harmonia. 

 

  • Divisão de ambientes

 

Por fim, mais uma dica de aplicação da arquitetura paramétrica para a sua casa é utilizá-la em estruturas de divisão de ambientes. Muitas pessoas utilizam esquadrias diferenciadas para a divisão de cômodos dentro da casa. Contudo, é possível utilizar a arquitetura paramétrica para isso também.

Em ambientes internos que não tenham muito acesso à luz e a circulação de ar, é interessante investir em uma estrutura que viabilize a passagem de luz e vento.  Sendo assim, converse com o seu arquiteto de confiança e veja a possibilidade de utilizar a arquitetura paramétrica nesses cômodos. 

Concluindo…

E então, o que você achou da arquitetura paramétrica? Como você pôde perceber, esse estilo de obra arquitetônica pode proporcionar muito estilo, personalidade e destaque para a sua residência. Sendo assim, não são apenas obras de grande porte que podem ser idealizadas por meio desse conceito. É possível sim realizar projetos alinhados com o cotidiano das pessoas dentro de suas casas, proporcionando até mesmo maior conforto. E isso é possível justamente porque a arquitetura é toda pensada a partir de parâmetros. 

Nesse sentido, se você está planejando a construção de um lar ou até mesmo pensando em reformar um determinado cômodo de sua casa, a arquitetura paramétrica é uma ótima alternativa. 

Shopping Basket
1