Conheça nossas Trilhas

25 de maio de 2024
17.75°C New York
sauna-com-porta

Conheça a empresa líder no segmento de saunas – Impercap Saunas

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

A Impercap Saunas é uma empresa que surgiu com o propósito de inovação, construindo assim um diferencial jamais visto no setor, focando em produtos inovadores que realmente causasse uma revolução tanto em praticidade como em qualidade. Um dos grandes diferenciais da nossa marca é o desenvolvimento de projetos cada vez mais avançados unindo tecnologia com o bem-estar dos nossos clientes.

Equipamentos para saunas seca, semiúmida e a vapor – Entenda os benefícios:

A Impercap trabalha com diversos produtos como saunas secas, a vapor e até mesmo semiúmida, mas o que muitas pessoas não sabem são os inúmeros benefícios que a pratica desse lazer pode trazer para a saúde.

Estudos indicam que o uso regular de saunas pode diminuir em até 77% o risco de morte por doença cardiovascular, já as doenças neurodegenerativas tem uma diminuição nos índices de quem é frequentador das saunas. Além de diminuir a probabilidade de doenças respiratórias e ajudar a melhorar o humor de pacientes que possuem algum grau de depressão.

Aquecedores de piscina e banheira

Outra vertente muito importante que trabalhamos são com os aquecedores para piscina e banheira, sempre priorizando por produtos de extrema qualidade e resistência, para que ao instalar um dos produtos Impercap em sua área de lazer você não tenha problemas de manutenção. São feitos totalmente em Aço Inoxidável com pintura eletrostática, o que garante uma durabilidade muito superior e um acabamento lindo.

Ionizadores para piscina

Um outro equipamento que é produzido na Impercap e segue inovando o mercado são os nossos Ionizadores para piscina que tem por função manter a água da piscina limpa e evita a proliferação de fungos, bactérias e algas que podem se acumular devido à estagnação e falta de limpeza da água.

Uma das maneiras mais comuns para manter a água desinfetada é a aplicação de cloro, o problema reside na sua toxicidade e no cuidado que devemos tomar para aplicar a quantidade certa para evitar alergias cutâneas ou olhos ardentes.

O Ionizador serve para desinfetar a água através de íons de cobre, evitando o uso de produtos químicos para matar vírus e bactérias. O Painel de Comando Digital pode controlar e programar os dias e horas de funcionamento do ionizador e da bomba.

Além de todos esses produtos que a Impercap já fabrica com extrema excelência, temos um que é uma verdadeira novidade, o Descalcificador Eletrônico. É um equipamento eletrônico que proporciona uma proteção eficaz contra acumulações de calcário em caldeiras de água, reservatório de gerador de vapor e canos da rede de água.

Caso a rede de água esteja com acumulo de calcário nas paredes do cano, com o tempo irá dissolver completamente deixando o cano limpo sem qualquer resíduo.

Existe também a nossa linha de Geradores de Vapor Industrial, que é utilizado em cervejarias, indústrias de pães, construção civil, na fabricação de embalagens, aplicação de rótulos sleeve termoencolhíveis em diversos tipos de seguimentos, uso na indústria têxtil para fixação de tintas e polímeros, fixação de hot stamping, na agricultura, produção de substratos de cogumelos e na agroindústria, utilizados em laboratórios e etc…

A Impercap está presente em todo o território nacional e produz diversos outros produtos para saunas, piscinas e os mais variados seguimentos, sempre trabalhando com muito excelência e dedicação focando no bem estar do cliente e no melhor atendimento.

Acesse o site da Impercap e confira todos os produtos de extrema qualidade que trabalham.

https://impercap.com.br

saunas

Tudo sobre as saunas, benefícios para saúde, onde fazer e como construir uma em casa

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Você gosta de saunas, gostaria de ter uma em sua casa? Pois saiba que é mais fácil do que parece. Ter uma sauna em casa para deleite da família é algo muito simples. Confira neste novo artigo tudo que você precisa saber sobre o assunto.

Boa leitura!

O que é sauna?

Já pensou em estar em um lugar em que você pode sentir seus músculos relaxando, desacelerar a mente, encontrar tranquilidade e ainda por cima cuidar da saúde? Pois bem, esse lugar é sauna!

A sauna, também chamada de banho finlandês, nada mais é do que uma sala  com um ambiente muito aquecido. Seu objetivo é  propiciar relaxamento e, em alguns casos, promover o convívio social entre os frequentadores do recinto.

E não pense que as saunas são uma coisa moderna. Elas são um costume muito antigo. Visto que, elas teriam surgido há cerca de 9 mil anos e foram criadas por povos nômades que ocuparam a Finlândia na pré-história.

Para esses povos finlandeses, as saunas eram lugares sagrados, onde era realizada a purificação do corpo e do espírito. Lá ocorriam rituais de curanderia, partos e até casamentos. Dessa forma, como em um cerimonial religioso, também havia regras bem rígidas: era proibido fazer barulho, fofocar ou falar mal de alguém. A invenção finlandesa deu origem ao tipo que hoje conhecemos como sauna seca. Já o banho de vapor ou sauna úmida surgiu bem depois, na Grécia antiga.

Porém,  foram os turcos que mais avançaram nessa técnica, aquecendo caldeirões de bronze cheios de água em grandes salões de mármore com teto côncavo, desenvolvendo o chamado banho turco.



saunas

Os benefícios das saunas para a saúde

Entre todos esses povos citados acima, a sauna era muito popular por seu suposto poder curativo. Ainda no século 4 a.C., o grego Hipócrates, considerado o pai da medicina, afirmava que a temperatura alta podia tratar qualquer doença.

Hoje, no entanto, podemos citar como benefícios das saunas:

  • Alívio de dores de coluna;
  • Aumento da circulação sanguínea;
  • Hidratação da pele e;
  • Desobstrução dos poros;
  • Combate ao stress;
  • Combate à hipertensão;
  • Relaxamento da musculatura;
  • Limpeza e desobstrução das vias respiratórias;
  • Desintoxicação e expulsão das impurezas do organismo ;
  • Combate doenças do sistema respiratório.

Em contrapartida, as saunas não são recomendados para mulheres grávidas ou crianças muito pequenas. Assim como, não devem ser frequentadas por pessoas com pressão baixa, diabetes, problemas cardíacos ou algumas doenças respiratórias. Na dúvida, consulte seu médico antes.

Além disso, você nunca deve ficar dentro de uma sauna se sentir fraqueza ou com náuseas.

saunas

Os tipos de saunas

Existem, basicamente, dois tipos de sauna, construídas de formas diferentes que são as mais comuns: a sauna seca e a sauna a vapor.

A sauna seca, em geral tem seu revestimento de madeira e conta com um  aquecedor e pedras quentes que recebem a essência de eucalipto, aromatizando o ambiente.

Já a sauna a vapor, conta com a evaporação da água no local, e é revestida em piso frio e azulejos, para manter o isolamento do ambiente úmido. em virtude disso, é bem mais popular do que a sauna seca e muito usada em clubes e academias.

saunas

Como construir uma sauna seca

Para construir uma sauna seca, deve-se partir do princípio do revestimento interno, das paredes ao chão serem feitos em madeira porosa. Além disso, conta com um forno para o aquecimento e pedras por cima dele, onde se joga a essência de eucalipto.

A sauna de madeira pode ser construída dentro de um cômodo da sua própria casa, revestido com a madeira. Mas, como também é comum em casas, pode ser construído à parte, do lado de fora, como um chalé ou cômodo de madeira. Ou seja, pode ser construído totalmente de madeira ou contar com uma alvenaria para o revestimento externo.

Definido a base do revestimento externo, é preciso pensar no isolamento térmico adequado. Essa camada pode ser feita com lã de vidro ou isopor, por todas as paredes. 

Para saber mais sobre as saunas secas, confira nosso artigo Descubra os benefícios da Sauna Seca”.

Feito isso, a próxima camada é o revestimento interno de madeira. Sendo as melhores madeiras o cedro, o mogno, a cumaru e o ipê.

A altura do cômodo da sauna geralmente é em torno de 2,50 metros.

Para fazer os bancos você pode optar entre madeira ou alvenaria. Em geral, aproveita-se a linha das paredes e se constrói bancos contínuos como arquibancadas. Dependendo da largura que se tem disponível pode se fazer uma arquibancada mesmo com  uma escada de bancos de 3 ou 4 lances. Lembrando que o banco mais alto está mais próximo de altas temperaturas e o banco mais baixo de temperaturas menores.

Para o respiro e suspiro da sauna, ou seja a entrada e saída de oxigênio, faça dois buracos com a largura de 10 x 10 cm, em posições opostas, sendo um a 30 cm do teto e outro próximo ao chão, perto da entrada de ar do ambiente de banho da sauna. Em ambos faça o acabamento com uma treliça de madeira para regulara entrada de ar.

Uma boa iluminação pode ser feita com lâmpada fluorescente de 7 watts conectada a dois pontos de fiação e presa por uma arandela de madeira. No entanto, o interruptor deve ficar longe da área de banho.

O piso da sauna seca é revestido em madeira, mas pode ser feito cimentado ou com cerâmica anti-derrapante. Assim como, deve incluir o ralo para escoar a água do banho.

E por fim, a porta é de madeira revestida em lã de vidro e deve contar com uma janelinha de vidro que possa ser aberta para correr ar se necessário.

Atenção: no espaço onde será instalado o aquecedor não deve ser revestido de madeira. Assim sendo, use placas refratárias nas paredes ou tijolos refratários ao redor do forno.

saunas - sauna seca
Fonte: Socalor Saunas

 

Como construir uma sauna a vapor

Primeiramente, é preciso definir se o espaço da sauna será para uso comercial ou caseiro. Pois, sua construção depende diretamente de seu fim. Assim sendo, para saunas caseiras é aconselhado uma metragem, e comercial outra. 

Para saunas caseiras, o próprio banheiro pode acomodar uma sauna a vapor.

Uma sauna a vapor comercial para 4 pessoas pode ter o espaço mínimo de 3m x 3m. No entanto, as saunas comerciais costumam ter 1 ou 2 metros a mais no comprimento dos bancos.

Com relação à altura do teto, essa pode ser um pouco menor que a da sauna seca. Afinal, ela conta somente com piso frio e cerâmica, sem necessidade de revestimento em madeira. Atente-se, as saunas a vapor precisam uma inclinação no teto de 10%. Uma vez que, é fundamental para a condensação do vapor em gotas. Caso esteja aproveitando um cômodo já construído, o isolamento pode ser feito com rebaixamento de PVC e placas de isopor em direção oposta aos bancos.

O suspiro e o respiro são feitos da mesma forma que na sauna seca. Porém, a diferença é que conta também com uma saída de vapor, um nicho na parede com o cano de vapor em cotovelo, jogando o vapor para o piso da sauna, pois o ar quente sobe e é bem aproveitado, de frente para os bancos.

Para saber mais sobre saunas a vapor, recomendamos a leitura do nosso artigo Tudo o que você precisa saber sobre a sauna a vapor”.

No cômodo deve haver um conduíte para a iluminação e ponto para o circuito elétrico, com quadro de comando para o termostato.

Para o isolamento térmico e revestimento, o indicado é vermiculita e cimento, proporção de 5 latas de vermiculita para uma de cimento. Bem como, o revestimento das paredes pode contar com azulejos, cerâmica ou mármore. Quanto ao acabamento, use argamassa no teto e tinta acrílica. 

O piso pode ser de ardósia, cerâmica ou pedras.

 

saunas - sauna a vapor
Fonte: Socalor Saunas

 

Dicas para um banho de sauna agradável

Depois que você já aprendeu como construir uma sauna na sua casa, veja as dicas a seguir para um banho de sauna ainda mais agradável:

Dica 01

Mantenha-se hidratado durante o seu banho de sauna. A transpiração faz você perder muita água e você precisa repor isso ingerindo líquidos. Sem a reposição adequada, é provável que você sentirá fadiga.

Dica 02

Não faça a ingestão de álcool e, em seguida, faça um  banho de sauna. Isso pode ser uma combinação perigosa.

Dica 03

Use óleos essenciais para potencializar os efeitos da sauna, como por exemplo:

  • Óleo essencial de lavanda: promoverá descanso e relaxamento, especialmente quando inalado. Mas não é só isso, ela também tem propriedades anti-sépticas e anti-inflamatórias, e por isso, é bom remédio para acne, eczema e outros problemas de pele.
  • Óleo essencial de camomila: têm propriedades calmantes, para tratar a irritação mental, impaciência e TPM. É também eficaz no tratamento da pele irritada.
  • Óleo essencial de eucalipto: pode ser utilizado para tratar uma variedade de doenças, incluindo dores de cabeça, gripe e dores musculares. Ajuda a abrir as vias aéreas e aliviar a tosse, espirros e outros sintomas respiratórios. Mas atenção, não deve ser usado por pessoas com doenças cardíacas, pressão alta ou epilepsia.
  • Óleo essencial de hortelã: é um grande estimulador mental quando inalado, e tem como resultado promover a clareza e melhoria do foco. É bom também para dores de cabeça.
  • Óleo essencial de rosa: é recomendado para o tratamento de eczema, depressão, estresse e sintomas da menopausa e disfunção sexual.

saunas 05

 

Então, gostou do nosso artigo sobre saunas? Que tal construir a sua agora? E para mais dicas e informações interessantes sobre engenharia, arquitetura e decoração, continue acompanhando as nossas publicações!

Como fazer um jardim vertical?

10 dicas para você começar a fazer um jardim vertical

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Você sabe o que é um jardim vertical? Gostaria de também de fazer um jardim vertical na sua casa ou empresa?

O jardim vertical, também chamado de ecoparede, é uma intervenção paisagística em paredes externas e/ou internas dos edifícios. Uma vez que, as ecoparedes são paredes cobertas por vegetação através de diversas técnicas. Quem vive em área urbana ou sem espaço para um bom quintal, muitas vezes sente falta do contato com a natureza. Por isso, o jardim vertical  é a solução para quem gostaria de cultivar umas plantinhas. Mesmo que em um apartamento ou espaço mínimo para elas.

Basta escolher um canto de sua casa para acolher o verde, harmonizando com os demais ambientes. Um jardim vertical pode ser instalado não apenas numa parede. Mas também, num canto ou até mesmo numa sequência de espaços como prateleiras e aparadores.

O que achou da ideia? Se gostou, confira algumas dicas de como fazer um jardim vertical de maneira prática. Mesmo que, com o pouco espaço que você possua.

Como fazer um jardim vertical?

O que é um jardim vertical?

Um jardim vertical é um jardim fixado no sentido vertical ou suspenso por suportes na vertical em paredes ou muros, criando painéis verdes com plantas de diversas espécies.

Atualmente, os jardins verticais vêm sendo muito usados em fachadas de edifícios com propostas sustentáveis. E isso se dá porque ele cria um isolamento acústico e térmico natural. Além disso, ajuda no controle da iluminação natural que incide sobre as fachadas dos edifícios.

Assim, muitos edifícios de grande porte estão investindo no jardim vertical. Com o propósito de, economizar energia, reduzir a poluição do ar e poluição sonora. Tanto quanto, criar ambientes mais amigáveis para quem mora ou trabalha neles.

Mas se engana quem pensa que o jardim vertical é uma exclusividade dos grandes edifícios. Você também pode fazer um jardim vertical, do tamanho que desejar.

 

Como fazer um jardim vertical em uma parede interna

Os benefícios de um jardim vertical

Entre os benefícios de um jardim vertical podemos citar os seguintes:

  • Ajudar na diminuição dos efeitos da emissão de carbono, reduzindo a poluição do ar e melhorando sua qualidade e umidade;
  • Ajuda a aumentar os níveis de oxigênio nos ambientes e edifícios;
  • Contribui para a reutilização da água;
  • Contribuir para o isolamento acústico e térmico da construção;
  • Aumentar a durabilidade dos prédios, pois diminui a amplitude térmica, e faz captação do ar quente e de energia solar;
  • Paredes verdes são uma ótima opção em áreas de clima árido e quente. Visto que, a evaporação da água neles é menor do que em jardins horizontais. Além disso, nas paredes externas dos prédios auxilia na redução da temperatura.

Como fazer um jardim vertical em uma varanda

Dicas de como fazer um jardim vertical

Agora que você já sabe o que é e quais são os seus benefícios, é importante saber também:

1- Observe seus espaços a preencher

Um meio ambiente harmônico é aquele em que tudo tem o seu lugar e que nenhuma área é invadida pela outra. De nada adianta você amar sua samambaia e colocá-la pendente no teto acima da televisão,  por exemplo. Isso pode não ser uma boa ideia. 

Para fazer um jardim vertical, a primeira coisa que dever ser feita  é olhar em volta. Sem dúvida, é importante perceber onde há espaços livres na casa. Bem como, uma parede branca, um canto da área de serviço, o parapeito de uma janela. Ou você pode abrir um espaço especial para o seu jardim e aí começar a escolher as plantas. 

2- Pense no custo benefício, agregue valores.

Não adianta investir alto numa orquídea de colecionador se não tiver tempo ou souber cuidar dela. Pense em sua rotina, em sua família. Há filhos pequenos? Não cultive a venenosa comigo-ninguém-pode, por exemplo. Viajam muito? Pense em cactos ou suculentas. Por outro lado, caso tenha sempre alguém cuidando da manutenção, pense em cultivar mini hortas e plantar temperos ou ervas medicinais.

Lembre-se, ao investir em plantas, pense que está investindo na harmonia do lar e no meio ambiente onde vive a família.  

Jardim Vertical - Como fazer um jardim vertical

3-  Antes de comprar, escolha plantas com as mesmas necessidades para o mesmo espaço

O solo, o clima e a irrigação devem ser levados em conta antes do plantio do seu jardim.

Cuidado para não cair no erro e dividir no mesmo espaço plantas que são de luz e de sombra. Igualmente com as de solo arenoso e solo argiloso. Se as plantas tiverem características diferentes uma delas será eliminada. Pois a outra, com as condições adequadas, lhe roubará todos os nutrientes. 

4- Irrigação

Fazer um jardim vertical é assumir um compromisso com a água. Suas plantas precisarão ser hidratadas adequadamente, algumas sempre  e outras nem tanto. Assim, mantenha uma rotina. Além disso, estude sobre elas e tenha fresco o conhecimento de quais delas precisarão ser mais irrigadas que as outras. Cuidado também para não encharcar o solo, dê a eles apenas o suficiente para matar a sede.

E claro, em caso de viagens, planeje antes! Por exemplo, um gotejamento contínuo que pode ser feito por implementação de uma garrafa pet perto do solo.

5- Adubação

Muitas vezes o solo precisa ser corrigido ou nutrido. Você pode optar por comprar terra adubada já no plantio. Pode também utilizar húmus de minhoca que é um bom suplemento para nutrir o solo.

Existe também, adubações caseiras que você pode produzir e utilizar em seu jardim. Procure saber sobre, por exemplo:

  • farinha de ossos;
  • casca de ovos
  • compostagem caseira;

6-  Mini horta saudável

Plantar horta em jardim vertical é relativamente fácil. Se você tem animais domésticos deixe os vasos longe do acesso deles. Gatos adoram passear pelo jardim e cães tradicionalmente cavam a terra. Observe também insetos e pulgões. Porém se encontrar joaninhas deixe elas se alimentam de pequenas pragas. Se quiser, deixe no chão um vaso largo de erva de gato e permita que seu bichano se delicie.

Jardim Vertical - Como fazer um jardim vertical

7- Um espaço para plantas pendentes ou trepadeiras

Algumas plantas são mais vistosas e nada discretas. As pendentes como como samambaias, morangos e avencas, precisam de um espaço vertical mais exclusivo. Você pode optar por colunas, aparadores exclusivos ou correntes no teto.

Morangos, por exemplo podem ser plantados harmonicamente num grande arranjo vertical. Já as trepadeiras, necessitam  de mais espaço.

8- Quadro vivo

Uma forte tendência entre os jardins verticais é o investimento em “quadros-vivos”. Trata-se de substituir as pinturas e pratos de parede por quadros com cachepôs e vasinhos sob medida. Entretanto, é importante que não pesem muito e possam ser pendurados como obra de arte.

Basicamente, é uma troca da apreciação de naturezas morta por natureza viva!

Jardim Vertical - Como fazer um jardim vertical

9- Compartilhe espaços e bem estar

Aproveite para fazer do seu cantinho verde um espaço comum agradável no lar. Um aconchego onde você possa meditar, ler um livro, ouvir música ou conversar com família e amigos. Enfim, um lugar para respirar.

10 – Feng Shui

Se você tiver acesso e interesse, pode procurar estudar um pouco sobre Feng Shui, uma prática chinesa de harmonização de ambientes, em busca de fluidez de boas energias para sua casa. Por meio dessa prática milenar, há boas dicas de onde escolher locais indicados para certas plantas que ajudam a cortar energias negativas.

Por exemplo, há plantas certas para banheiros e cozinhas, que puxam para si toda a sujeira e energia ruim. Há também plantas de proteção como Espada de São Jorge e bonsais que ajudam em terapias holísticas.

Jardim Vertical - Como fazer um jardim vertical

Como escolher as plantas do seu jardim vertical

Agora que você já sabe mais sobre o assunto, é hora de escolher as plantas do seu jardim vertical. E sobre esse assunto temos aqui no blog um artigo muito interessante que você também vai gostar de ler: Quais plantas usar no jardim vertical?

Seja por necessidade de verde ou apenas para preencher os espaços, um jardim vertical confere benefícios. Sendo eles, ao meio ambiente urbano e a harmonização do lar. Além disso, é agradável aos olhos. Afinal, esse espaço de natureza faz bem para a alma e torna o ambiente mais limpo e agradável.

Gostou do nosso conteúdo sobre como começar a fazer um jardim vertical? C0nfira então o nosso artigo: Como montar um jardim vertical de forma simples e fácil? E também Dicas de como montar uma parede verde que dê pouca manutenção!  

Cadeira de Massagem

Saiba porque ter uma Cadeira de Massagem em casa 

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Para descansar a postura ou simplesmente esquecer um dia estressante, uma cadeira de massagem é a melhor opção. Como são extremamente eficazes, colaboram para o bem-estar do consumidor. Além disso, seu funcionamento é sempre muito fluído, agregando qualidade e sensações prazerosas. Confira!

Maiores benefícios da cadeira de massagem

Existente há muito tempo no mercado, a cadeira de massagem é uma das alternativas mais eficazes para oferecer bem-estar. Afinal, é uma das melhores escolhas para relaxar após um dia de trabalho. Importante ressaltar também, que tem o poder de agregar uma série de benefícios. Mesmo que não sejam equipamentos tão recentes, são conhecidas por sempre se reinventar. Entretanto, cada vez mais a cadeira de massagem oferece ótimas funções. Muitas são completas ao ponto de dispensar completamente qualquer ajuda humana. Isso faz com que sejam muito práticas e proporcionem momentos únicos.

Entre os aspectos mais positivos oferecidos pela cadeira de massagem, é comum encontrar aqueles que mais se destacam. Afinal, como frequentemente se reinventam, oferecem cada vez mais diferenciais para todos os indivíduos. Assim, muitas vezes se torna difícil escolher qual o melhor modelo. De qualquer maneira, entre os benefícios mais notáveis e diferenciados da cadeira de massagem atual, se encontram:

1. Alívio da ansiedade

Um dos males mais comuns nos dias de hoje é, sem dúvidas, ansiedade. Infelizmente, isso tem piorado cada vez mais, já que muitas pessoas estão negligenciando a saúde física e mental. Isso, por suposto, nem sempre é porque elas realmente querem. O fato é que com a rotina cada vez mais corrida, torna-se realmente difícil prestar atenção aos detalhes. Ou seja, muitas vezes os estresses do cotidiano são deixados de lado e internalizados. Dessa maneira, a ansiedade pode vir de qualquer coisa e estourar em diversos aspectos da saúde física e mental. Com o sentimento de angústia e que algo está errado, as sensações são diversas. Então, a cadeira de massagem pode ser extremamente útil. Afinal, transmite a sensação de alívio, relaxa os músculos e nervos. Logo, isso tudo faz com que aumente a circulação sanguínea e, assim, reduz-se a sensação de tensão e estresse. Consequentemente, isso alivia a ansiedade.

2. Redução da fadiga

A sensação de fadiga pode vir de aspectos inimagináveis. Um exemplo disso, é que a própria alimentação pode ser um fator de perda de energia física. Contudo quem sofre de fadiga, sabe o quão difícil é ter que se comprometer com as atividades rotineiras. Dessa maneira, a sensação de cansaço frequente pode ser amenizado de grande forma com a cadeira de massagem. Como permite o alívio muscular, redução de dores e sensação de bem-estar, a cadeira de massagem é uma ótima ideia. Isso porque proporciona que o corpo trabalhe de uma forma mais regular. Além disso, também é válido citar o fato de colaborar de grande forma para que haja disposição. Portanto, é uma das melhores opções para quem deseja ter um melhor rendimento.

Um dos motivos pelos quais a fadiga ataca, também pode ser o intestino desregulado. Nessa questão, a cadeira de massagem também pode ajudar. Com esse aspecto, é possível reduzir a fadiga. 

Entre outros benefícios, também pode-se citar:

  • Redução de inchaços e edemas;
  • Melhora da postura;
  • Melhora do sono;
  • Reduz o estresse;
  • Aumento da disposição.

Melhores modelos de cadeiras de massagem

Cadeira de Massagem Neo Space 3D

Cadeira de Massagem NEO

  • Preço: em torno de R$ 32.900,00;
  • Mais de 5 tipos de massagem (incluindo massagem com música);
  • Cromoterapia;
  • Tomada USB.

Cadeira de Massagem Confortbras

Cadeira de massagem confort

  • Preço: a partir de R$ 6.445,00.
  • Potência de 170W;
  • Permite pontos fixos de massagem;
  • 3D zero gravidade;
  • Massagem Guasha;
  • Altura ajustável das pernas.

Cadeira de massagem e aquecimento – Alabama

Cadeira de Massagem alabama

  • Preço: a partir de R$ 2.200,00;
  • Possui controle remoto;
  • Mais de três funções massageadoras;
  • Preenchida com espuma e revestida com PVC;
  • Pode ser utilizada em casa ou escritório.

Como cuidar de uma cadeira de massagem

Como é possível perceber, a cadeira de massagem, independente da marca, tem ótimas funções. Porém, é muito importante também garantir o cuidado adequado para todas elas. Isso porque, como foi possível notar, todas possuem um valor agregado. Logo, é indispensável garantir o cuidado correto. Dessa forma, o mais indicado é sempre evitar derramar líquidos ou mantê-las em locais muito úmidos. Além disso, higienizar a cadeira de massagem com um pano úmido é possível, mas jamais molhá-las. Em suma, essas cadeiras devem ser utilizadas em locais que suportem a sua voltagem. Outra questão que deve ser analisada com cautela, é o local onde a cadeira de massagem será colocada.

Para evitar estragos e demais problemas, o indicado é que a superfície seja lisa e firme. Em suma, o principal é sempre seguir as recomendações indicadas pelo fabricante. Dessa forma, é possível utilizá-la com segurança e seguindo as especificações corretas. Por ser uma ótima forma de garantir qualidade de vida, a cadeira de massagem é uma das opções mais práticas e eficazes do mercado.
 

Falando em benefícios confira tudo sobre sauna no link https://entendaantes.com.br/descubra-os-beneficios-da-sauna-seca/

 

 

20 modelos de jogo de mesas para a área de lazer

20 modelos de jogo de mesas para a área de lazer

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Primeiramente, neste artigo, iremos abordar a respeito de diversos modelos de mesas para a área de lazer. Trataremos ainda sobre a importância de termos conforto nesse ambiente, principalmente, por ser um local familiar. Salvo que, deixaremos ainda alguns estilos de mesas diferentes e bonitas que possam lhes agradar.




Sem dúvida, uma área de lazer aconchegante é o sonho de muita gente. Afinal, quem não adoraria chegar e sua casa e ter um local para descanso? Além, é claro, de lhe proporcionar inúmeras vantagens, que iremos compartilhar no decorrer deste artigo.

A área de lazer

Primeiramente, vale ressaltar que ao escolhermos um imóvel, existem inúmeras pontos que precisam ser observados. Como por exemplo, a sua localização, o seu tamanho, repartição dos cômodos. Neste artigo, entretanto, abordaremos um dos lugares mais importantes da casa, a área de lazer e mais especificamente, as mesas para a área de lazer.

Como o próprio nome diz “área de lazer” indica, sobretudo, um ambiente ou espaço destinado a atividades agradáveis. Assim sendo, um lugar de descanso ou de entretenimento, servindo para confraternizar, relaxar. Interagir e receber quem convidamos para ir em casa é um desejo comum entre todos.  E é, a área de lazer o espaço perfeito para receber pessoas especiais.

Momentos com a família são essenciais. Principalmente, nos dias atuais, onde pais e filhos quase não vivenciam momentos em juntos. Por isso, qualquer lugar que proporcione momentos de união, fortalecendo o vínculo familiar, são muito importantes.

Veja também: Áreas de lazer para você se inspirar – Entenda Antes! 

Ter um local especial e aconchegante, que nos proporcione esses momentos, é de suma importância. Mas, para que isso aconteça, é preciso um planejamento. Desde, seu tamanho até a mobília. Pensando nisso, separamos 20 opções de mesas para a área de lazer.

Confira! 

Mobília para a área de lazer

Pois bem, no momento de decorar a sua área de lazer, podemos contar com diversas opções de mesas para a área de lazer, que deixarão o lugar ainda mais prazeroso. No entanto, isso vai depender da maneira como será construída a sua área de lazer. Como por exemplo:

  • na lateral da sua casa;
  • no seu quintal;
  • no seu jardim;

Além de outros pontos como: o espaço do local e sua, principalmente, a sua renda financeira.




Vale a pena ressaltar que, os móveis que irão compor a área de lazer precisam ser fortes e resistentes, pois estarão sujeitos a ações do sol e da chuva.

Modelos de mesas para a área de lazer

Antes de mais nada, as mesas são itens que não podem faltar na sua área de lazer. Por isso, se faz necessário listar alguns modelos que não pode te ajudar na decoração desse cobiçado espaço. Com a finalidade de contemplar diversos estilos e utilidades, separamos como por exemplo:

Mesas para a área de lazer para a família toda

1.Retangular

Mesas para área de lazer: retangular

2. Quadrada

Mesas para área de lazer: quadrada

3. Redonda

Mesas para área de lazer: redonda

Mesas para a área de lazer ao ar livre

4. De ferro e/ou alumínio

Mesas para área de lazer em aço ou alumínio

5. Dobráveis

Mesas para área de lazer: dobráveis

6. Com ombrelone

Mesas para área de lazer com ombrelone

7. Para ficar ao lado da piscina

Mesas para área de lazer para ficar ao lado da piscina

Mesas para a área de lazer – Bistrôs

8. Modernos

Mesas para área de lazer: bistrô coloridos

9. Elegantes

Mesas para área de lazer: Bistrô elegante

10. Dobráveis

Mesas para área de lazer: Bistrô dobráveis

Mesas para a área de lazer – Canto Alemão

11. Em lugares pequenos

Mesas para área de lazer: canto alemão

12. Em lugares grandes

Mesas para área de lazer: canto alemão em lugares grandes

Mesas para a área de lazer com sofá e poltronas

13. Clássica

Mesas para área de lazer com sofá

14. Conteporânea

Mesas para área de lazer com poltronas contemporâneas

Mesas para a área de lazer para jogos

15. Sinuca

Mesas para área de lazer: sinuca

16. Carteado/Poker

Mesas para área de lazer: carteado ou poker

17. Pimbolim

Mesas para área de lazer: pimbolim

Mesas para a área de lazer recicláveis

18. Inteira de palet

Mesas para área de lazer de madeira reciclável

19. Palet e metal

Mesas para área de lazer de palet reciclável

20. Outros materiais

Mesas para área de lazer de porta reutilizável

Dessa forma, vale a pena investir em móveis e mesas para a área de lazer, já que, além de potencializar o ambiente, deixam o espaço mais funcional. Ou seja, na hora de decorar, primeiramente identifique a personalidade de seus moradores. Afinal, uma mesa na área de lazer é sinônimo de encontro de família. Pois, é fundamental que esse ambiente seja bem confortável e funcional.

Leia também: Inspire-se: Essas varandas vão te deixar surpreso. Entenda Antes!

Lareira a gás: Como funciona e qual o melhor modelo?

Lareira à gás: Como funciona e qual o melhor modelo?

(Clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Um dos itens de decoração mais desejados nos dias de hoje são as lareiras. E assim, como vários produtos de alta demanda, existem vários tipos de lareiras. A lareira a lenha tradicional está ficando para trás, sendo utilizada cada vez menos. Como uma alternativa mais atraente a lareira à gás tornou-se a mais procurada. No entanto, sua instalação deve ser bem planejada para evitar problemas no futuro. Ou seja, é importante contar com a ajuda de um especialista antes de tomar qualquer decisão.

Por isso, reunimos nesse artigo algumas informações importantes para você que está pensando em adquirir uma lareira à gás.

Boa leitura.

Primeiramente, como funciona a lareira à gás?

Como funciona uma lareira à gás?

A lareira à gás, é bastante prática e funcional. A princípio, ela necessita somente de uma tubulação de cobre, um registro no local em que for colocada, um dispositivo de segurança que corta a saída de combustível caso a chama se apague e um ponto de gás que é de onde vem a chama.

O gás pode ser o natural (gás de rua) ou o liquefeito, conhecido como gás de cozinha. É interessante ter um registro independente, para que em casos de manutenção não seja preciso cortar o gás da casa inteira. Seu acionamento é feito por um botão, similar ao de um fogão ou até mesmo por um controle remoto.

Já as lareiras menores não têm necessidade de ter chaminé, porém, é recomendada para que o gás carbônico proveniente da queima vá embora mais rapidamente. Ainda assim, recomenda-se também que o ambiente seja ventilado.

A lareira à gás pode ter dois modelos:

  1. As “lareiras lineares” que possuem pedras vulcânicas e necessitam de um nicho de alvenaria para ser colocada. Esse nicho é uma caixa com espaço central aonde se encaixa a lareira.
  2. As de “lenho cerâmico”, é uma falsa lenha que fica sobre o queimador imitando o lenho tradicional.

Vantagens da lareira à gás

As vantagens de uma lareira à gás

A principal vantagem de lareira à gás é que ela não emite ou fumaça, ou fuligem. Consequentemente, não sujam o ambiente. Você não se sente “defumado” por estar em um lugar esfumaçado. Por não fazer fumaça ela pode ser instalada em qualquer lugar da casa, sem contar que como não gera cinzas provenientes da queima da madeira. Ou seja, não tem necessidade de se preocupar com a limpeza, economizando seu tempo.

Esse modelo, também não tem demanda de abastecimento constante, como acontece com as lareiras a lenha. Assim, permitem mais conforto e praticidade. A lareira à gás, evita o trabalho pesado de compra, armazenamento e manuseio das lenhas.

Leia também: Como construir uma lareira? Conheça a melhor forma!

Nesse tipo de lareira, o aquecimento das pedras vulcânicas se mantém por mais tempo, ainda que o fogo esteja baixo. Ou seja, ela mantém o ambiente mais quente além do que é esperado convencionalmente.

Optar por uma lareira à gás otimiza o ambiente, dando lugar para outras peças decorativas, pois ela não necessita de um espaço grande para ser colocada. Podem ser instaladas em casas ou apartamentos, em lugares como salas, quartos, escritórios, terraços, etc.

Outra vantagem da lareira à gás é que ela podem ser feita sob medida, com especificações exatas. Você pode, até mesmo, optar por uma ou duas linhas de fogo. Pode ser modelo cooktop, formato de caixa, entre vários outros modelos. Da mesma forma, pode-se escolher o tipo de acabamento que você desejar, tornando-a um acessório decorativo único e exclusivo.

Apesar da lareira à gás ter um certo custo inicial significativo, com a sua instalação, os custos operacionais são mais baixos do que as lareiras decorativas elétricas ou a etanol, por exemplo.

Dicas de decoração

Dicas de lareira à gás

  • Para ambientes espaçosos e altos uma boa dica para compor sua lareira é utilizar uma escada como decoração, elas deixam o visual moderno e despojado, dando um toque especial.
  • A lareira é um bom lugar para ler um livro. Ou seja, quem gosta de um cantinho tranquilo e sossegado, é só colocar uma poltrona aconchegante e separar seus livros preferidos para leitura.
  • Plantas e lareiras são uma ótima combinação, não tem nada mais charmoso que isso para preparar seu ambiente.
  • Lareiras à gás é uma ótima opção para ambiente com televisão. Se você não quer correr o risco de ter algum problema eletrônico e gosta de chamas fortes, opte por esse tipo de lareira.
  • Nada melhor do que dormir bem quentinho no inverno, não é mesmo? Por isso, ter lareiras À gás no quarto é uma ótima opção para se aquecer. Além disso, você não terá que se preocupar em inalar a fumaça gerada na lareira.
  • Cores vivas sempre deixam o ambiente divertido. Por isso, pense em colocar uma lareira combinando com as cores fortes. Assim, você pode criar um local perfeito para reunir com sua família para jogos e brincadeiras.
  • A lareiras à gás é ótima para ambientes externos e abertos, onde o vento circula. O fogo dura mais tempo e proporciona o efeito tipo fogueira, excelente para noites especiais.

Continue lendo sobre esse assunto: Lareiras: Tudo o que você precisa saber sobre elas!

Quando o outono e inverno vão chegando, vamos tirando nossas roupas de frio do armário para nos preparamos. Nesse momento, com certeza gostaríamos de uma lareira quentinha. Como vimos, são tantas a vantagens de uma lareira a gás que pensamos: Porque não instalei uma ainda?

E você, qual modelo mais gostou? Não perca tempo e procure um especialista para providenciar uma! Mas não se esqueça, quando for comprar sua lareira à gás verifique se ela possui uma válvula de segurança e se está dentro das normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Lareiras: Tudo o que você precisa saber sobre elas!

Lareiras: Tudo o que você precisa saber sobre elas!

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Poucos elementos decorativos e funcionais têm tanta representatividade quanto as lareiras. Afinal, com o forte apelo estético, ela pode trazer sensações de acolhimento, aconchego, romantismo e intimidade. Além disso, terá um ambiente quentinho durante as baixas temperaturas no inverno.

O modelo mais presente no imaginário coletivo é aquele à lenha, de alvenaria. Ainda que, com as possibilidades tecnológicas, as lareiras passaram a ter novos tipos e deixaram de ser uma exclusividade das regiões mais frias. Assim também, passando a serem adotadas também nas localidades de clima quente.

Como a rotina de uso dos espaços é algo que deve ser levando em conta na decoração, é importante um bom planejamento antes de decidir as melhores opções. Por isso, vamos compartilhar sobre os tipos de lareiras existentes, a melhor para cada cômodo e as informações sobre manutenção, gastos e segurança. Saiba tudo sobre elas!

Quais‌ ‌os‌ ‌tipos‌ ‌de‌ ‌lareiras‌ ‌que‌ ‌existem?‌

1.      As lareiras ecológicas

lareiras ecológicas

Esse tipo de lareira tem sido bastante difundido no mercado, especialmente pela diversidade que proporciona. Ou seja, é possível encontrá-lo com outros nomes: biolareira, lareira à álcool, lareira à etanol ou queimadores. Veja os detalhes a seguir.

●       Estrutura técnica

As lareiras ecológicas possuem parede dupla de aço inox, com o interior revestido por manta cerâmica. São relativamente leves e vêm acompanhadas de uma haste para acender, abrir e fechar o equipamento. Há estruturas de 60 centímetros, por exemplo, que podem aquecer uma área de até 40 metros quadrados.

●       Fonte de alimentação da chama

Deve-se utilizar combustíveis renováveis acima de 92 graus para manter a chama acesa. Álcool de cereais, como por exemplo, milho e arroz, álcool de beterraba, cana-de-açúcar e etanol de posto de gasolina são alguns deles.

O tempo de queima vai depender de dois fatores: o tamanho do recipiente de cada modelo e o nível de circulação de ar. Uma área que tenha muito contato com o vento, acelera o processo de queima, impactando no desempenho do tempo.

Uma vez que o combustível termine, a chama apaga e é necessário o reabastecimento. Leia atentamente a recomendação disponível no manual de cada fabricante, pois, embora as informações destacadas aqui sejam gerais para esse tipo de lareira, os detalhes específicos são informados caso a caso.

●       Intervenção local

As intervenções no espaço físico vão depender da demanda de utilização, já que as biolareiras podem ser instaladas de diversas maneiras. Podem ser fixas, encaixadas em móveis, em nichos de madeira, porcelanato ou pedras, só para citar algumas.

●       Modelos

Existem modelos portáteis, pequenos e decorativos, que vão desde características rústicas às mais futuristas. Estão disponíveis não apenas as de chão, como também as de mesa, suspensas ou até mesmo para paredes.

2.      Lareiras elétricas

lareiras elétricas

Lembra que comentamos anteriormente sobre a não exclusividade de lareiras em regiões de clima frio? É aqui que entram as lareiras elétricas. Mas isso não significa que elas não sejam funcionais quanto ao conforto térmico exigido pelo frio.

Além disso, alguns modelos oferecem simulações do fogo em 3D, produzindo aquela estética visual e suprindo o imaginário afetivo que algumas pessoas têm, mesmo morando nas cidades mais quentes do Brasil. Acompanhe!

●       Estrutura técnica

As características técnicas são semelhantes à de um aquecedor. Pode ser acionada por controle remoto e além disso, dependendo do modelo, pode-se escolher as cores das chamas e a intensidade do calor.

●       Fonte de alimentação da chama

Neste caso, o fogo real não está presente. A funcionalidade do aquecimento, o que inclui o tempo de uso, depende do fornecimento de energia elétrica e da potência do equipamento.

●       Intervenção local

É necessário saber se o ambiente de utilização comporta a potência necessária. Por isso, conte com especialistas da área para não ter complicações ao adquirir um tipo que não esteja adequado ao lugar que você deseja utilizar.

As indicações do fabricante devem ser consideradas, já que alguns modelos precisam de um espaço mínimo para a circulação de ar. Caso contrário, podem gerar superaquecimento.

●       Modelos

A maioria tem um padrão quadrado ou retangular, o que as permitem serem usadas como um quadro de parede. Assim, elas podem ser embutidas em móveis, em nichos diversos e em gessos. Do mesmo modo, elas podem ocupar o espaço de uma lareira tradicional que foi desativada.

3.      Lareiras à gás

lareiras a gás

 

Assim como as anteriores, as lareiras à gás oferecem praticidade, porque dispensam grandes manobras espaciais como são as que requerem chaminés e outros recursos.

●       Estrutura técnica

Para utilizar este tipo de lareira é importante prever o ponto de gás desde o início da obra. Por isso, para o acendimento, também é necessário um ponto elétrico e algumas opções oferecem controle remoto.

Antes de adquirir o produto, veja se o mesmo oferece detalhes, como sensores de trava de gás e detectores de vazamento, que são meios para interromper o funcionamento em caso de falha.

●       Fonte de alimentação da chama

A fonte de alimentação é o gás encanado ou de botijão. Há modelos que contam com a programação do tempo de queima e, caso não seja especificado pelo usuário, apagam-se automaticamente após cinco horas de uso.

●       Intervenção local

Por depender dos pontos de gás e elétrico, pode não ser prático para os espaços em que a instalação de gás não esteja prevista. Por isso, a importância do planejamento prévio ao período de construção ou reforma.

●       Modelos

Há muita variedade de modelos. Alguns são parecidos com a estrutura inox da lareira ecológica, nas quais se utilizam de maneira complementar ao nicho, pedras vulcânicas ou lenhas de cerâmica refratária, assim, dando um toque especial de beleza.

Saiba mais sobre lareiras à gás: Lareira a gás: Como funciona e qual o melhor modelo?

4.      Lareiras à lenha

lareiras a lenha

Mesmo com tantas variedades no mercado, há os que não abrem mão da tradicional lareira à lenha. Os argumentos vão desde gostar do cheirinho da lenha queimando, ao som do fogo durante a queima e até mesmo porque ela sempre foi o sonho de consumo tão esperado.

Se este é o seu caso, veja as informações abaixo.

●       Estrutura técnica

As lareiras à lenha exigem detalhes como caixa de fogo, coifa e duto. Os materiais para sua composição são bem mais pesados, já que contam com pedras, cimento e tijolos.

●       Fonte de alimentação da chama

O fogo desse tipo de lareira depende da lenha. Logo, o espaço de armazenagem do material deve estar previsto e ter a ventilação adequada para evitar que as lenhas umedeçam.

A duração da queima requer alguns cuidados para que seja mantida. Por exemplo, as lenhas devem estar bem secas. A intensidade da temperatura vai depender do tamanho dos cortes ou do nível do fogo no material: a madeira no ponto de carbonização emite menos calor do que a madeira em chamas.

●       Intervenção local

Como vimos anteriormente, as intervenções no ambiente não são tão simples quanto as que foram apresentadas anteriormente.

Considerando os modelos de alvenaria, temos uma construção mais complexa dentro do contexto geral do projeto. Cálculos como profundidade da lareira e o tubo da chaminé que ultrapassa a parte superior da casa, bem como a grelha de ventilação necessária para não esgotar o oxigênio do ambiente, são pontos relevantes a serem considerados. Saiba mais!

●       Modelos

Salvo, guardados todos os cuidados necessários, é hora de aproveitar as possibilidades. Esse tipo de lareira também permite atender a grandes áreas e levar calor a outros cômodos das residências.

Além do já mencionado modelo de alvenaria ou abertas, encontramos por exemplo, modelos de canto, central, rústicas, de ferro, fechadas, revestidas com pedras, com porcelanato e até mesmo as que dão um toque mais moderno ao ambiente como as suspensas.

5.      Lareiras externas

lareiras externas

Nos modelos externos, encontramos as versões à gás, à lenha e ecológicas, garantindo aquele momento intimista no jardim, na varanda, na piscina… Desse modo, considere os aspectos citados, para escolher a que se adequa melhor às suas necessidades.

 

6.      Lareiras portáteis

lareiras portáteis

As portáteis representam facilidade e uma dinâmica mais livre para transportá-las de um ambiente a outro. Mas para isso, observe as questões de segurança que detalharemos mais abaixo.

Qual‌ ‌tipo‌ ‌é‌ ‌melhor‌ ‌para‌ ‌cada‌ ‌cômodo?‌

Primeiramente, para responder a essa pergunta, deve-se ter em mente alguns aspectos como: a dinâmica dos usuários da casa, o tamanho dos espaços, qual a estética presente na composição, tempo estimado de uso, se vai haver comunicação entre os ambientes, finalidade, a disposição dos móveis, entre outros. Veja alguns exemplos:

Para aquecer o espaço

lareiras em salas

Lareira no quarto

lareiras em quartos

Lareira de centro na sala de estar

lareiras em salas

Lareira elétrica portátil na salinha de estar

lareiras para apartamentos

Lareira de etanol na sala/ambiente integrado

lareiras para ambientes integrados

Lareira portátil em ambiente integrado

Lareiras portáteis para vários ambientes

Lareira de chão no jardim

lareiras para jardim

Para os dias de celebração na área externa

Lareiras externa para comemoração

Valorizando os cantinhos externos

lareiras para o cantinho externo

Lareira na área da piscina

Lareiras para a área da piscina

Como‌ ‌é‌ ‌a‌ ‌manutenção,‌ ‌o‌ ‌gasto e o‌ ‌que‌ ‌eu‌ ‌preciso‌ ‌fazer‌ ‌para‌ ‌usar‌ ‌com‌ ‌segurança?

●       Segurança

Todos os tipos de lareiras devem respeitar os protocolos e normas atualizadas, estabelecidas pelas entidades competentes. Como por exemplo, no Brasil, temos a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), que dita as adequações e as padronizações necessárias.

Além disso, é fundamental contar com profissionais qualificados e a leitura completa do manual de cada equipamento, para que não haja dúvida na hora de utilizar.

Outras recomendações são dadas pelo Corpo de Bombeiros sobre a utilização de equipamentos e inflamáveis: evitar a proximidade com cortinas, sofás, toalhas e outros elementos passíveis de incêndio.

Ademais, mantenha o ambiente ventilado, uma pessoa responsável monitorando o fogo e tenha cuidado com as crianças e os animais de estimação quando eles estiverem por perto. Além disso, foi verificado que as pessoas com diabetes têm redução da sensibilidade à dor e podem não perceber que estão sofrendo queimaduras.

●       Manutenção e Gastos

Podemos afirmar que as lareiras à lenha são o modelo que demanda mais manutenção. As cinzas devem ser totalmente removidas antes de uma nova queima; pelo menos uma vez ao ano é necessário verificar se a tubulação está desobstruída; algumas espalham fuligens no ambiente e ainda estão os cuidados no armazenamento adequado da lenha. Em contrapartida, as demais não contam com esse trabalho.

Em relação aos gastos, as lareiras elétricas podem representar um aumento significativo na conta de luz, principalmente se o tempo de uso for longo e durante muitos dias.

Quanto aos outros tipos, é importante prever o tempo de uso em horas e dias e a fonte geradora de calor. Observamos que as lareiras à gás podem oferecer uma boa relação custo-benefício. Mas como dito anteriormente, depende dos objetivos de cada um. O fato é que diante de tantas possibilidades, é possível realizar o cenário dos sonhos com a lareira certa para cada gosto! Boas escolhas!

Os 10 tipos mais conhecidos de ofurô e suas vantagens

Os 10 tipos mais conhecidos de ofurô e suas vantagens

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

O ofurô é uma ótima forma de garantir bem-estar e qualidade de vida. É algo para ser utilizado muito mais do que em ocasiões especiais.




Entre seus principais benefícios, pode-se citar o combate à flacidez, celulite e circulação sanguínea. Outras características também entram em pauta, já que ele possui diversos modelos para escolha. Saber exatamente o que procura em um, pode ser essencial na hora da escolha. Confira!

Principais modelos de ofurô

1. Ofurô de madeira e ofurô de fibra

O ofurô de madeira é um dos modelos mais tradicionais. Dentre os modelos, ele é aquele modelo que agrega rusticidade. Por conta de sua aparência, também é um dos tipos mais escolhidos e vistos em spas no mundo todo. Além disso, uma de suas maiores vantagens é de agregar simplicidade ao local, mas, ainda assim, ser muito elegante.

Outra questão que o envolve e que é bem-vista, é que o seu design é sempre muito diversificado. Em contrapartida, o modelo de fibra é algo mais moderno e minimalista. Diferente do modelo de madeira, agrega uma aparência menos intimista. Entretanto, ainda assim é muito confortável. Em relação aos preços, o de madeira é mais caro e pode custar mais de R$ 2 mil. Já o ofurô de fibra, passa de R$ 1.500,00.

Os 10 tipos mais conhecidos de ofurô e suas vantagens

2. Ofurô para crianças e ofurô inflável

Diferente do que muitas pessoas pensam, o ofurô não é somente para adultos. Existem muitas crianças que podem utilizar o modelo infantil. Essa é uma das melhores opções para os bebês que possuem dores corporais ou problema de locomoção. No entanto, para crianças agitadas e com algum comportamento irritadiço, também é uma ótima opção. Já com relação aos ofurôs infláveis, estes são muito semelhantes às piscinas. Conhecidos pela praticidade e tecnologia que possuem, são ótimas opções para quem deseja pagar por algo mais barato, mas não menos eficiente. Dessa forma, são facilmente encontrados no mercado e, o melhor, geralmente podem ser instalados em qualquer lugar. Com essa característica, chama atenção de muitos consumidores que querem um ofurô de um material mais rígido e sólido. Porém, querem antes experimentar. É também muito indicado para famílias, mas está disponível em tamanhos menores. Tudo pode ser escolhido conforme a preferência exata.

3. Ofurô de acrílico embutido e ofurô sacada

O modelo de acrílico embutido é feito, logicamente, de acrílico. Esse modelo é mais comumente encontrado embutido no chão. Dessa forma, dá uma impressão mais moderna e acolhedora. Além do mais, também permite que o ambiente fique mais intimista e discreto. Com o preço que pode ser maior que R$ 4.500,00, harmoniza em qualquer ambiente. Com características semelhantes, o ofurô sacada é um estilo que une modernidade e requinte. Com ele, por exemplo, é possível incrementar luzes, velas e plantas. Ele é perfeito para ser usado à noite ou à beira de uma piscina. Ademais, é válido ressaltar que esse estilo também pode ser de acrílico. A principal diferença entre ambos, por exemplo, é que o ofurô sacada possui degraus e um espaço bem maior. Algumas vezes, por exemplo, pode ser instalado literalmente em uma sacada. Isso faz com que dê um charme maior no ambiente onde está devidamente situado.

4. Ofurô elétrico com luz e ofurô pequeno individual

O ofurô elétrico com luz é uma das formas mais atuais. Uma das suas principais características é justamente a iluminação, que muitas vezes é terapêutica. Assim como o individual, o ofurô elétrico com luz também é pequeno. Além disso, uma das maiores vantagens é que pode ser colocado dentro de casa. Isso, logicamente, desde que o local tenha estrutura para ele. Em relação ao seu preço, pode ser encontrado a partir de R$ 3.500,00. Já o ofurô individual pequeno, o mesmo pode ser encontrado em madeira. A intenção é que ele seja realmente utilizado somente por uma pessoa. Logo, sua estrutura é pequena e cabe em qualquer lugar. No entanto, esse lugar precisa ter sim um certo espaço e estrutura para recebê-lo. Geralmente, o seu interior é de fibra e o seu exterior de madeira. Para quem procura um modelo mais simples, há de madeira individual.

5. Ofurô banheira e ofurô minimalista

O ofurô banheira é realmente muito semelhante a uma banheira tradicional. A diferença é que, muitas vezes, ele é colocado dentro do banheiro. Além disso, também possui um tamanho muito maior que os ofurôs tradicionais. Essas características são ótimas para quem procura por um ofurô que pode ser utilizado também como banheira. A sua aparência também é algo que não deixa a desejar. Ademais, é uma ótima opção para quem procura privacidade, já que é instalado, geralmente, dentro de casa. Além dele, também existe o ofurô minimalista. Este, pode ser utilizado em ambientes mais cleans e com menor quantidade de enfeites. Em geral, não é um modelo de embutir, mas é muito bonito. A sua aparência tende a ser lisa, neutra e discreta. Em suma, é mais encontrado na versão madeira e interior de acrílico. Porém, pode ser planejado por um profissional. Assim, oferece a aparência desejada ao seu ambiente.

Tipos mais conhecidos de ofurô

Escolhendo o melhor modelo

Antes de tudo, é preciso conhecer bem a diferença de spa, banheira e ofurô. Isso porque, diferente do que muitas pessoas pensam, não são iguais. Dessa maneira, torna-se indispensável saber qual deseja e quais as características que ele precisa conter. Além disso, uma questão que também deve ser analisada com calma, é sobre o design. Mesmo que algumas pessoas achem que isso é indiferente, pode ser algo crucial. Afinal, um ambiente precisa ser harmônico, ainda mais para usar um.

Como a intenção é relaxar e aproveitar o momento, o mais indicado é que ele tenha uma aparência semelhante à do ambiente. Porém, logicamente é possível mesclar os modelos. Outro fator que faz a diferença, é em relação à tecnologia. Os ofurôs tradicionais não possuem nenhum comando. Já os ofurôs mais modernos podem ser encontrados com regulagem de temperatura e pressão. Se a intenção for gastar pouco, os simples são melhores.



Tudo o que você precisa saber sobre a Sauna a vapor

Tudo o que você precisa saber sobre a Sauna a vapor

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

O corpo humano pode acumular uma série de toxinas e gases prejudiciais. Isso tudo, infelizmente, ocorre de maneira imperceptível. A sauna a vapor atua de uma maneira extremamente sutil, mas muito potente, para remover tais toxinas. Como auxiliam na eliminação de todas as impurezas através da transpiração, oferecem ótimos e notáveis benefícios.

Acompanhe!

Como funcionam as saunas a vapor?

Como funcionam as saunas a vapor?

Um dos nomes pelos quais a sauna a vapor também é conhecida, é por sauna úmida. As saunas a vapor funcionam na intenção de garantir eliminação de toxinas. Assim sendo, oferecem benefícios, que podem ser notados das mais variadas formas. Entre elas, podemos citar a perda de peso, pele viçosa, maior disposição, etc. Um dos motivos pelos quais a sauna a vapor é tão popular, é justamente pelo fato de controlar a umidade. Isso pode parecer irônico, já que supõe-se que ela é conhecida como sauna úmida.

Muito além do relaxamento, funcionam de maneira eficaz para a prática de exercícios. Uma questão que faz com que seja desejada por muitas pessoas, é o seu tempo de ação. Isso porque, com a sua funcionalidade potente, permite que somente 30 minutos sejam o suficiente para suprir um exercício cardiovascular. Mesmo que seja um pouco mais cara, ainda assim são muito válidas.

Maiores benefícios da sauna a vapor

Antes de tudo, é importante ressaltar que, mesmo que ofereça benefícios, não se deve exceder o tempo indicado na sauna. Alguns modelos de saunas a vapor possuem funções diferentes, bem como calor e pressão. Por isso, é indicado sempre seguir a indicação do fabricante, principalmente quando se trata de sauna a vapor portátil. De qualquer maneira, é possível notar uma série de vantagens ao utilizar a sauna a vapor. Todos elas podem ser sentidas desde a primeira ou segunda utilização. Afinal, é uma espécie de tratamento que, mesmo sendo sútil, é potente e mexe com o organismo.

Como sempre, há aqueles benefícios que se destacam e que são os responsáveis pela popularidade do tratamento. Os mesmos benefícios também colaboram para que a sauna a vapor seja cada vez mais popular. De qualquer maneira, existem aspectos vantajosos que nem sempre são falados e que vão além do emagrecimento. Entre eles, estão:

  • Melhora do sono;
  • Previne a flacidez da pele;
  • Alívio de dores reumáticas;
  • Dilatação de vasos capilares (consequentemente, maior crescimento capilar e melhora do fluxo sanguíneo);
  • Reduz doenças como AVC, Alzheimer, infarto e tireoide desregulada;
  • Melhora a respiração e previne doenças respiratórias;
  • Aumenta a imunidade.

Quais os principais tipos de sauna a vapor?

Quais os principais tipos de sauna a vapor?

1. Sauna a vapor portátil – Ayurvédica

Nesse modelo de sauna a vapor portátil, a cabeça do indivíduo fica para fora da cabine plástica. Logo, para quem se sente angustiado dentro da sauna, essa é uma das melhores opções do mercado. Uma de suas maiores vantagens, inclusive, está no fato de ser uma forma relaxante e prática de terapia. Além do relaxamento físico, permite que o consumidor não respire o vapor úmido. Assim, é possível ter uma maior vascularização e aumento da circulação sanguínea. Caso deseje, é possível também utilizá-la para a prática de aromaterapia e assim garantir eficácia em todos os tratamentos. De instalação fácil, possui uma cabine plástica de PVC, fita gabarito e demais itens inclusos. Em alguns sites, pode ser encontrada pelo valor de R$ 1.000,00. Isso pode mudar conforme fornecedor, promoções, região de venda, site, frete, etc. De qualquer forma, é uma opção boa para quem é iniciante e quer usufruir dos benefícios.

2. Sauna a vapor a gás – Baby Pop

Indicada para ser fixada na parede externa do cômodo, essa sauna é um equipamento profissional e resistente. Prova disso, é o fato de ser um aparelho alimentado à botijão de gás. Isso também faz com que seja extremamente econômico. Além disso, ele consegue suprir cômodos de até 10 m³ (metro cúbico). Entre as suas maiores e mais notáveis características, sem dúvida está o fato de ser extremamente ágil na vaporização. Para que funcione, basta ligar a sauna e se preparar para o banho de vapor normalmente. Ademais, a sua estrutura é considerada segura, já que é feita de aço carbono 12 e possui tratamento fosfatizante e anticorrosivo. A sua instalação é descomplicada. No entanto, é importante ressaltar que não possui quadro de comando de temperatura. Além de ficar do lado de fora, precisa conter somente a tubulação de vapor dentro do ambiente. O seu preço é de R$ 2.325,05.

3. Sauna a vapor portátil – Sauna Casa Steamer

Permitindo a utilização de óleos para aromaterapia, essa sauna a vapor portátil é a mais indicada para emagrecimento. Ela é muito semelhante a uma estufa, causando até mesmo um pouco de confusão em muitos consumidores. De qualquer forma, é feita de metal ABS e possui tensão de 110V. No mercado, pode custar mais de R$ 600,00. Além disso, é considerada uma das melhores panelas de vapor para saunas portáteis. Porém, é muito importante ressaltar que o seu gerador jamais deve ser operado vazio. Antes de adquirir o produto, é muito importante pesquisar. Mesmo depois de adquirido, indica-se sempre ler o manual e seguir as instruções do fabricante. Entre demais características que possui, encontra-se o fato de que a operação somente é possível ser feita sem pressão. Dessa maneira, o vapor somente pode ser passado para evitar congestionamentos. Ainda assim, é uma ótima opção para todos aqueles que desejam algo simples.

Como instalar cada sauna a vapor

Uma dúvida muito comum que existe entre os simpatizantes de saunas a vapor, é sobre a instalação. Algumas podem ser utilizadas até mesmo no banheiro da residência. Já outras, o mais correto é ter um ambiente construído para utilizá-las. No caso das saunas a vapor construídas de forma profissional, o mais indicado é sempre contratar um especialista no assunto. Isso porque, assim, pode-se ter certeza de que nada sairá do controle e nem que ameaçará o bem-estar de alguém. Logicamente, o mais indicado é sempre, como dito anteriormente, ver as recomendações do fabricante. Contudo, caso a intenção seja instalar uma sauna de maneira mais profissional, é importante sempre conversar com um especialista no assunto. Desde que tudo seja feito da forma correta, é possível utilizar ótimos aparelhos de sauna a vapor. Além disso, também agrega-se saúde, segurança e praticidade em tudo o que é feito. O indicado é sempre pesquisar.

Você também pode se interessar: Tudo sobre as saunas, benefícios para saúde, onde fazer e como ter uma em casa

Descubra os benefícios da Sauna Seca

Descubra os benefícios da Sauna Seca

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

É comum encontrar muitas pessoas trocando a sauna tradicional pela sauna seca. Algumas características de fato as diferenciam. Por conta disso, a sauna seca agrega diversas vantagens para todos, já que permite uma ótima utilização. Além disso, o seu uso é simples e descomplicado. Confira!

Como funciona uma sauna seca?

A ideia de construir uma sauna mantém todos muito animados. Afinal, sabe-se que aquele espaço ficará ali justamente para criar um ambiente calmo e de puro relaxamento. Além disso, a sauna é, por si só, algo que oferece muitos benefícios à saúde. Diferente das saunas mais tradicionais, a sauna seca desperta muita curiosidade. Independente de ser elétrica ou a gás, ela permite que o ambiente fique mais bonito e convidativo. Como possibilita um ambiente fechado, é revestida de madeira porosa.

Normalmente, possui um forno especial e pedras devidamente selecionadas. Nela, por exemplo, o calor é um dos pontos mais importantes. A intenção é que, a sauna seca ideal, possa aumentar a temperatura corporal em até 38º C ou 39º C. Dessa maneira, torna-se uma das mais práticas e melhores opções. Entre suas melhores características, inclusive, está o fato de ser um modelo diferenciado e muito melhor de utilizar.

Principais benefícios da sauna seca

Como sempre, a sauna seca promove ótimos benefícios para todos aqueles que a utilizam. Esses, de fato, muitas vezes podem ser sentidos já na primeira utilização. Em suma, para entender melhor o porquê é tão benéfica, saiba que o corpo possui diversas toxinas. Essas toxinas podem ser resultado de uma má alimentação, poluição, estresse, entre outros. Além disso, se encontram “grudadas” no organismo e na pele, fazendo com que problemas surjam com o tempo. A sauna seca colabora para que essas toxinas sejam devidamente removidas do corpo. Isso ajuda a evitar diversos problemas de saúde, bem como garantir qualidade de vida.

Por conta disso, é normal encontrar muitas pessoas realizando sessões periódicas de sauna seca. Como as toxinas são eliminadas, o sono fica melhor, aumenta-se o humor, diminui-se o estresse, elimina-se o risco de doenças cardiovasculares, entre outros. Portanto, ela pode ser uma ótima alternativa de tratamento para quem deseja algo diferenciado.

1.      Emagrecimento

O emagrecimento é um dos maiores benefícios da sauna. Por conta do calor, do suor e da eliminação de toxinas, é comum que a pessoa desinche e, consequentemente, emagreça. Logicamente, nem sempre isso ocorre da noite para o dia. Porém, ainda assim é um benefício muito interessante.

Descubra os benefícios da Sauna

2.      Limpeza de pele

A transpiração que a sauna proporciona, faz com que a pele abra os poros e a sujeira venha para fora. No entanto, isso não faz com que as toxinas saiam. Porém, a pele fica limpa e iluminada.

Sauna Seca

3.      Aumento da disposição

Conforme aumenta a frequência nas sessões de sauna seca, é possível perceber um aumento considerável na disposição.

Benefícios da Sauna Seca

 

Tipos e modelos de sauna seca

Existem diversos tipos de saunas disponíveis no mercado. Entre elas, as comuns e as semi-úmidas também possuem grande destaque. No entanto, as saunas secas também ganham a atenção de muitas pessoas. Pela praticidade que possuem, geralmente são procuradas por famílias e pessoas que realmente necessitam de um tratamento tranquilo. Além disso, a sauna seca também é uma alternativa mais em conta para muitas pessoas. Isso faz com que sejam uma ótima opção de escolha.

Com muitos modelos disponíveis no mercado, por vezes pode se tornar difícil escolher somente uma. Até mesmo porque, cada uma delas possui características bem diferentes. Isso faz com que seja necessário saber escolher. Para isso, uma das formas é justamente ter em mente para qual finalidade ela será usada, qual frequência e onde. Mesmo que as saunas ofereçam ótimos benefícios, é sempre importante ter em mente um objetivo para elas. Caso contrário, o indivíduo pode ter decepções.

1. Sauna Seca Residencial Aquecimento Por Infravermelho Sc-9252 – Josen Corpore

Disponível no mercado por um preço de aproximadamente R$ 14 mil, essa sauna seca é uma das melhores. Ela já vem pronta em formato de uma cabine de madeira com vidros e porta transparente.  Possui 1700 watts, é modular e desmontável. Pelo fato de ser desmontável, pode ser considerada uma sauna seca portátil.

2. Kit Completo para Sauna Seca – Sodramar

O kit, como o próprio nome sugere, é completo. Ele oferece todos os produtos necessários, como:

  • Sauna seca 6kw para até 10m³;
  • Pedra;
  • Comando digital;
  • Encosto regulável;
  • Entre muitos outros.

Custa em torno de R$ 5.800,00 e pode ser encontrado com facilidade na internet. Uma das suas maiores vantagens é que o kit promove relaxamento máximo.

3. Sauna Seca Elétrica – Socalor

Essa sauna é portátil e pode ser utilizada em qualquer local, desde que dentro de um cômodo destinado especialmente para saunas. Além disso, para que funcione, precisa do quadro de comando. Sem ele, é impossível obter êxito no funcionamento. É um dos modelos mais acessíveis e custa R$ 1.547,75.

Onde colocar ou construir a sauna seca

Descubra os benefícios da Sauna Seca

Antes de comprar a sauna seca, primeiramente é preciso definir a dimensão de todos os materiais. Afinal, é preciso que todos aqueles que serão utilizados tenham o tamanho certo. Essa regra vale, especialmente, para o forno e também para o gerador de calor. Uma dica é que, grande parte dos fornecedores, conseguem deixar o gerador instalado no local correto. Portanto, uma boa dica é sempre contar com a ajuda de uma equipe profissional no assunto. Além disso, é sempre interessante comprar com segurança e conferir as dicas de instalação com o vendedor ou empresa responsável.

Além dos equipamentos, é muito importante também prestar atenção no revestimento, piso, proteção, iluminação, etc. É válido lembrar que o revestimento deve ser feito em lambris de madeira. Por isso, antes de comprar os equipamentos e tentar realizar a sauna em casa, converse com profissionais especializados nos produtos e também na montagem. É a atitude mais indicada.

Conclusão

Como é possível observar, a sauna seca é uma grande e vantajosa opção para todos os consumidores. Porém, é sempre importante contar com uma equipe de profissionais capacitada. Mesmo que não seja algo tão difícil de ser feito, precisa de atenção e cuidado. Assim, pode-se usufruir da melhor instalação e vantagens do produto.

Você também pode se interessar: Tudo sobre as saunas, benefícios para saúde, onde fazer e como ter uma em casa

Shopping Basket
1