Conheça nossas Trilhas

14 de junho de 2024
21.65°C New York
Descubra os 5 fatores que a tornam a construção Steel Frame sustentável

Descubra os 5 fatores que tornam a construção Steel Frame sustentável

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

A construção Steel Frame vem ganhando cada vez mais espaço no Brasil. No entanto, muitas pessoas ainda não sabem exatamente do que se trata esse sistema de construção de imóveis. Bem como desconhecem o que torna a construção Steel Frame sustentável; Assim como outras construções.

Sendo assim, nós da Entenda Antes elaboramos este post para falar um pouco mais sobre o Steel Frame, mas principalmente sobre o que o caracteriza como um método ambientalmente responsável, visto que achamos de suma importância divulgar este tipo de alternativa. Desse modo, continue acompanhando o conteúdo para saber mais sobre o assunto. Boa leitura!

Mas afinal, o que é Steel Frame?

Antes de falar os cinco fatores que tornam a construção Steel Frame um método construtivo extremamente sustentável, faz-se necessário refrescarmos a memória do  sobre o que é o Steel Frame. Certamente você que acompanha a nossa página com frequência lembrará do nosso post “Sistema construtivo a seco, conheça o Steel Frame!”, no qual abordamos de forma mais detalhada sobre o tema. 

Motivos que tornam a construção Steel Frame sustentável

Motivos que tornam a construção Steel Frame sustentável

Como destacado anteriormente, o método construtivo em Steel Frame apresenta inúmeras vantagens, sendo uma delas o fato de ser um sistema ambientalmente responsável. Desse modo, nós da Entenda Antes percebemos como fundamental divulgar amplamente este sistema de construção aqui no Brasil; onde ele ainda não é tão empregado, mas vem ganhando destaque.  

Nesse sentido, confira a seguir um conjunto de cinco motivos que tornam a Steel Frame sustentável.

  • Baixo consumo de água

A água é um importante recurso natural. Afinal, necessitamos dela em vários momentos em nosso dia a dia. Como para beber, comer, tomar banho, escovar os dentes…

Além disso, necessitamos da água em diversos processos. Como a produção de energia, criação de animais, agricultura, processos industriais e construção de casas. Dentre muitas outras atividades. 

Cientistas já apontam que precisamos mudar nossos hábitos, ou no futuro as próximas gerações enfrentarão problemas em relação a água. Atualmente, já é possível observar que em diversos locais. Inclusive no Brasil, já ocorrem muitos problemas em relação ao abastecimento de água.

Sendo assim, é necessário racionalizar o consumo e combater desperdícios no nosso dia a dia; principalmente nos processos que demandam alta quantidade de água. Nesse sentido, um dos principais fatores que tornam a construção Steel Frame sustentável é o fato dele demandar um baixo consumo de água. 

Para que você tenha uma noção, enquanto uma construção em alvenaria necessita de água na preparação do cimento, revestimentos internos e externos e fundações, no Steel Frame a água é utilizada apenas no radier, nas fundações e na limpeza das ferramentas, correspondendo a apenas um por cento do total de água que é consumida em uma construção tradicional em alvenaria. 

  • Baixo desperdício de produtos

Certamente você já reparou que na frente de qualquer obra há um container de entulho que não pude ser aproveitado. Isso mostra como a construção tradicional em alvenaria apresenta uma alta taxa de desperdício quando comparada com o método construtivo em Steel Frame

Como todo o material utilizado na construção já vem pronto de fábrica, o desperdício da construções não chega a 1%. Assim sendo, não há desperdício de material e não há geração de resíduos sólidos (lixo). Esse é um fator amplamente favorável para o meio ambiente. 

  • Baixa emissão de CO2

O sistema Steel Frame de construção também emite menos CO2 quando comparado aos métodos tradicionais em alvenaria. Isso porque os materiais empregados no método ambientalmente responsável geram baixa emissão de CO2 após a obra finalizada. 

Além disso, emite menos gases para a camada de ozônio quando comparado ao sistema tradicional de construção em alvenaria; O que contribui para evitar o efeito estufa. Esse é mais um motivo que torna a construção Steel Frame sustentável.

  • Economia de energia elétrica

Outro motivo que torna a construção Steel Frame sustentável, é que durante todo o processo de construção do imóvel, ele também garante maior economia de energia elétrica. Isso ocorre porque o sistema confere à construção um maior isolamento térmico. Isso diminui o uso de ar-condicionado, o qual utilizamos muito no Brasil. Sendo assim, o sistema Steel Frame ajuda no uso racional de energia elétrica e também no bolso de quem habita o imóvel. 

  • Utilização de produtos recicláveis

Por fim, outro importante fator do sistema de construção em Steel Frame que o torna uma alternativa sustentável é o fato dele empregar diversos produtos recicláveis. Um exemplo de material reciclável utilizado neste tipo de construção é a lã de PET; um isolante produzido a partir de garrafas PET recicladas. 

O aço galvanizado empregado na estrutura do sistema também é um material reciclável. Visto que pode ser reutilizado diversas vezes sem perder as suas propriedades. Há também como exemplo de produtos recicláveis as placas de OSB;o provenientes de madeira de reflorestamento, o que é outro fator que contribui para a preservação ambiental. 

Considerações finais

Como você pôde perceber, o método construtivo construtivo apresenta diversas vantagens, como a conclusão ágil da obra, mas também para o ambiente. O que além de fazer da construção Steel Frame sustentável, faz bem para o bolso de quem pretende construir um novo imóvel. 

Nesse sentido, a construção Steel Frame vem ganhando cada vez mais espaço em um mundo cada vez mais atento às questões ambientais e preocupado com o bem-estar das gerações futuras. 

E você, já conhecia o método de construção Steel Frame? Caso sim, compartilhe conosco a sua experiência. Do contrário, caso não conheça e tenha alguma outra dúvida, deixe nos comentários logo abaixo. Iremos adorar auxiliar você a compreender melhor este sistema de construção.

Até a próxima!

Continue lendo sobre o Steel Frame: Por que você deve considerar construir em sistema steel frame? Entenda Antes de fazer

Construção rápida: descubra porque o Steel Frame é mais rápido que outros modelos de construção

Construção rápida: descubra porque o Steel Frame é mais rápido que outros modelos de construção

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

A estrutura de uma obra é um dos itens mais importantes na  construção. Normalmente ela é realizada tendo como base o concreto armado. Em contrapartida, um sistema de construção rápida vem ganhando espaço na construção: o método Steel Frame.

O mercado da construção civil continua a crescer e se desenvolver a cada dia, de modo que a demanda por uma construção rápida requer métodos mais novos e eficazes.

Esse estilo de construção é chamado de Steel Frame e faz parte dessa inovação, tornando-se cada vez mais frequente em obras do Brasil.

 

A tecnologia prioriza fatores como sustentabilidade, conforto térmico, arquitetura mais moderna e o principal: a rápida execução. Desse modo, ele é muito necessário em um mercado que precisa acompanhar o crescimento populacional e está de olho nos impactos da indústria ao meio ambiente.

Dessa forma, o método de construção rápida Steel Frame beneficia tanto consumidores, quanto construtores, além do meio ambiente. Sendo assim, confira neste texto o porquê desse modelo ser mais rápido que os outros tipos de construção.

Primeiramente, o que é o Steel Frame?

Resumidamente, o Steel Frame é um método construtivo que tem como base para construção perfis de aço galvanizado leve, que são criados a partir de processos a frio e são empregados com finalidade estrutural. 

Assim, a finalização de sua estrutura principal é feita com placas e painéis que podem ser constituídos de diferentes materiais como:

  • placas cimentícias;
  • drywall;
  • madeira;
  • painéis de alumínio.

Depois da estrutura moldada com o formato requerido, são adicionados painéis para o fechamento das laterais da construção. Por último, é construído o telhado que pode conter lajes de aço galvanizado, madeira ou até lajes de concreto.

Essa opção de construção pode ser utilizada em obras de pequeno, médio e grande porte. Também conhecida como sistema construtivo a seco, o Steel Frame é rápido, seguro e resistente.

Por que o Steel Frame é é chamado de construção rápida?

Por que o Steel Frame é é chamado de construção rápida?

O sistema construtivo Steel Frame é uma das melhores opções para os empreendimentos brasileiros. Além de não utilizar cimento e tijolos em uma obra, o seu material estrutural possui mais de 1000 anos de durabilidade.

Como você deve saber, a construção tradicional de alvenaria é formada por vigas, lajes e pilares de concreto que são preenchidos com tijolos de cerâmica para vedação e finalização. Por outro lado, o sistema Steel Frame é totalmente industrializado e possui controle e qualidade durante todos as fases da construção.

Sendo assim, veja abaixo o porquê desse modelo de construção ser mais rápido.

Agilidade

Por conter uma estrutura com painéis fabricados industrialmente, a montagem é simplificada, já que os painéis chegam prontos à obra apenas para serem montados. Isso economiza tempo, pois se comparado com a alvenaria, esse estilo de obra pode diminuir em até 60% o prazo final de uma edificação.

Como é uma construção rápida e inteligente, ela atua com precisão em janelas, portas e paredes. Seus sistemas elétricos e hidráulicos são mais rápidos devido a estrutura de aço galvanizado. 

Diferentemente de outras construções, esse método não necessita do quebra-quebra de paredes. Isso economiza tempo, custos e gera um melhor acabamento na construção.

Além disso, em casos de vazamentos, é preciso apenas desparafusar uma das placas, localizar o vazamento, realizar o conserto e trocar a peça retirada. 

Tecnologia de ponta

Outro motivo para o Steel Frame ser mais rápido que outras obras é a tecnologia. Por esse motivo a construção é toda industrializada e não gera desperdício de matéria-prima. Além disso, o cronograma da construção pode ser seguido sem erros e surpresas. Ademais, todo o investimento é calculado com facilidade.

Quanto custa construir com Steel Frame?

Uma das maiores dúvidas quando falamos sobre o sistema Steel Frame é a respeito do seu preço. Não há um preço fixo para o sistema. Entretanto, ele varia de acordo com as necessidades do projeto, o preço do aço no mercado, entre outros fatores. 

Todos esses aspectos podem alterar o valor de um projeto. Assim, quanto maior a obra, mais cara e complexa ela se torna. 

Geralmente, o método de alvenaria é mais barato que o Steel Frame, devido ao prazo de realização, racionalização de materiais, menor custo de fundação e obra mais leve. Esses aspectos acabam tornando a obra de alvenaria mais barata em um primeiro momento.

Por outro lado, podemos perceber que o preço da construção de alvenaria é semelhante ao Steel Frame. Porém, os desperdícios, prazos de construção, valor final de mão de obra, fundação maior e peso da estrutura acabam deixando a construção com o sistema Steel Frame até 15% mais barata. Dependendo do tamanho do seu projeto este valor pode chegar aos 30%.

Sendo assim, se comparado a alvenaria, seu valor é mais baixo. Bem como, a perda de matéria-prima é praticamente zero e a maior parte de sua estrutura é reciclável.

Conclusão

Como você viu neste texto, o sistema construtivo Steel Frame utiliza tecnologia de última geração para desenvolver e finalizar uma obra com alto nível de qualidade em até 100 dias a partir de um local pronto.

Por se tratar de um método que utiliza materiais industrializados, a construção ganha resistência e durabilidade. Já que sua estrutura é controlada, testada e homologada antes de chegar a uma obra. 

Sendo assim, esses materiais garantem que as obras construídas tenham uma durabilidade maior que obras de alvenaria. Assim, elas ultrapassam os 300 anos sem precisar de manutenções e reparos.

A qualidade do sistema de construção rápida é muito melhor que a construção tradicional. Além da durabilidade e redução do prazo final da obra em até ⅓ se comparado a alvenaria, a construção rápida Steel Frame ajuda no isolamento térmico e acústico do ambiente. 

Se você gostou de descobrir porque o método Steel Frame é mais rápido que outras construções, deixe o seu comentário!

Leia também: Passo a passo de uma construção em Steel Frame

Tipos de telhados para casa de steel frame

Tipos de telhados para casa de steel frame

(Clique no vídeo para acompanhar visualmente esse artigo!)

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Vamos compartilhar neste post os modelos de telhados para casa de steel frame, mas antes precisamos deixar claro alguns pontos necessários para evitar erros irreversíveis por se tratar de um processo industrial feito sob medida. 

O steel frame ou sistema de construção a seco é um tipo de solução que vem ganhando tendência quando o assunto é construção de casas, uma vez que oferece a otimização do espaço e do tempo, através de materiais pré-fabricados e do sistema de montagem que dispensa o uso de cimento. Além de estar disponível para erguer toda a estrutura do imóvel, os telhados para casa também podem contar com essa facilidade. Porém, como toda construção, é indispensável contar com profissionais qualificados para o total sucesso da meta traçada.

Projeto

Primeiramente, quatro projetos devem ser levados em consideração antes das construções:

  • projeto de arquitetura;
  • projeto de estrutura;
  • projeto de instalação;
  • projeto de proteção contra incêndio.

Tais projetos devem ser feitos por profissionais especializados. No momento da projeção é quando podemos definir o tipo de material a ser utilizado e harmonizado junto com a estrutura steel frame que está constituída em perfis de aço galvanizado. 

Os materiais complementares aos perfis podem ser vidro, madeira, drywall, placas de cimentos, forros, entre outros. A projeção também contempla o peso a ser arcado pela estrutura, o que inclui os tipos de telhados para casa. Um erro de cálculo, além de implicar em altos custos, pode resultar em graves riscos para quem vai ocupar os espaços.

Daí a impossibilidade de dispensar o acompanhamento do arquiteto e outros profissionais indicados conforme o porte da edificação.

Pós-projeto

Após a aprovação dos projetos, vem a parte de colocar a mão na massa, o que inclui:

  • fabricação;
  • transporte da estrutura;
  • montagem.

A mão de obra especializada é fundamental nessa etapa. Afinal, é importante contar com a fundação pronta. Bem como a ciência de como a montagem está pensada, como por exemplo, se será utilizado parafuso ou solda. Vale destacar que todos esses aspectos são decididos previamente no momento da realização do planejamento do projeto.

Tendo esclarecido estes pontos, é hora de saber os tipos de telhados de steel frame.

Modelos de telhados para casa

Modelos de telhados para casa

Conforme dito anteriormente, a decisão quanto ao modelo do telhado para casa deve estar contemplada no projeto. Porque deve haver, entre outros detalhes, a previsibilidade em relação às características da região de construção. É diferente determinar a estrutura para um local de praia, de muito vento ou de alta periodicidade de chuva.

Se é um local de muito vento, por exemplo, convém pensar em uma alternativa de contraventamento. Assim como, um sistema que ajude na resistência em relação à carga do vento.

Já para os ambientes chuvosos, pode ser necessário optar por sistemas de travamento ou bloqueadores. Similarmente, como tiras ou chapas de aço, pedaços de perfil, entre outras soluções que possam reforçar o telhado.

Nas regiões com alto potencial de oxidação, como as de praia, vale projetar elementos que possam retardar a ação do tempo, embora o próprio material de steel frame já seja potencialmente anticorrosivo. 

Outro fator relevante é a manutenção e os cuidados como limpeza. Bem como, a retirada de água e  fragmentos acumulados na estrutura.  Além disso, a recolocação caso alguma parte seja danificada.

Agora sim, vamos aos modelos!

  • Telhado Inclinado

Este tipo tem o mesmo padrão dos telhados para casa convencionais de madeira e quase sempre é feito com tesouras. Ao compararmos com os telhados de madeira, geralmente a estrutura está composta de quatro elementos básicos: 

  • tesouras: trabalhados com o propósito de sustentar os vãos mais espaçados que serão determinados na hora do cálculo do projeto estrutural;
  • terças: equilibram os vãos que ficam entre as tesouras;
  • caibros: ficam apoiados em cima das terças;
  • ripas: ficam apoiadas em cima dos caibros e a telha fica apoiada diretamente nas ripas.

No caso do steel frame, dependendo do projeto e do cálculo estrutural, pode haver um espaço mais reduzido entre as tesouras favorecendo o apoio das ripas sem a necessidade de incluir as terças e os caibros, resultando em maior economia e redução do tempo de instalação.

No caso das construções com lajes, os perfis são apoiados diretamente nelas sustentando os caibros. Com o propósito de ser colocação direta das ripas sem a necessidade da intervenção com tesouras.

  • Telhado plano

Este modelo na maioria das vezes é feito com treliças. Assim, formando um sistema de zig-zag com peças retas e várias diagonais. Por isso, o que vai determinar a forma das treliças é a tração. Bem como, a contração a que a construção estará exposta. Além do tipo diagonal, encontramos as seguintes opções:

  • triangular;
  • trapezoidal;
  • banzo paralelo;
  • diagonal cruzada;
  • tipo pratt.

Outra possibilidade para a opção plana é a utilização das seções dos perfis. Isso, através das alternativas de encaixes que podem ser:

  • simples: utilizando os perfis em forma de “T”, que seria um na posição horizontal e outro na vertical;
  • caixa ou box: em que os perfis são encaixados uns dentro dos outros simulando uma caixa “[]”;
  • duplo: onde os perfis ficam encostados com as respectivas aberturas para fora “][“.

Conclusões

As informações expostas servem de base para algumas conclusões. Ademais, no que diz respeito ao tempo de realização de uma construção, decoração e economia. No entanto tais vantagens só serão possíveis se as orientações dos profissionais e as indicações apontadas nos projetos.

O tempo de realização tem a ver com a recepção das estruturas devidamente calculadas e otimizadas para a montagem. No quesito decoração, poder contar com estruturas mistas é uma opção que pode trazer leveza e beleza para o imóvel. Quanto à economia, esta também depende de fatores como mão de obra muito especializada. Bem como, o transporte do material, dependendo da localização da construção. 

Além disso, é um tipo de solução considerada sustentável do ponto de vista ambiental. Já que evita a utilização de madeiras de grande porte, evitando o desflorestamento. Outro ponto a favor é a redução de resíduos ambientais, já que materiais como cimento e tijolos podem ser dispensados. A não utilização de madeiras também favorece ao não aparecimento de cupins e deformações físicas como o empenamento, somando mais um ponto para a escolha do steel frame

Esperamos que estas informações possam orientar da melhor forma possível as diversas decisões no momento de construir. Dentre elas a escolha entre os tipos de telhados para casa. Boas escolhas!

Leia também: Quais os modelos de telhados e tipos de telhas? Entenda Antes!

Shopping Basket
1