Erros no Planejamento de Obras que podem acabar com sua Construção!

(Se preferir, clique no player para o ouvir a narração desse artigo! Queremos facilitar sua vida, desde consumir o nosso conteúdo até realizar o seu projeto.) =)

Construir uma casa nova pode ser uma experiência extremamente emocionante e recompensadora. Mas, nesse processo, erros no planejamento de obras sempre acontecem, certo? Bem…quando se trata da construção ou reforma de um imóvel eles não deveriam acontecer.

A construção é um empreendimento enorme que demanda tempo, dinheiro e muitos profissionais envolvidos. Porém, quando acontece algum erro durante a obra, as consequências podem comprometer a qualidade do imóvel e, pior ainda, colocar a segurança dos usuários em risco.

Portanto, ao planejar um imóvel, você precisa olhar a construção de muitos ângulos para evitar erros de planejamento com consequências graves e problemas irreversíveis.

Para fugir desse pesadelo, vamos falar sobre os principais erros no planejamento de obras e o que você deve fazer para evitá-los. Boa leitura!

Quais são os principais erros no planejamento de obras?

Receba até 4 orçamentos próximos

Falta de um plano de execução

Não ter um plano de execução criado terá um impacto negativo na conclusão de uma obra. É por meio do escopo do projeto que o engenheiro ou arquiteto direciona o seu trabalho na fase de planejamento, execução e entrega da obra.

Sem esse documento, os profissionais não conhecem os desejos e necessidades dos futuros moradores, as funções do arquiteto e engenheiro não ficam claras, entre outros pontos que ficam prejudicados.

Para evitar esse erro, é necessário criar um plano de execução com uma estratégia que descreve todos os recursos humanos e materiais necessários para executar a obra.

Em outras palavras, o plano precisa definir as prioridades do projeto, procedimentos padrões no canteiro de obras, profissionais envolvidos, enfim, todas as informações úteis precisam estar bem claras.

Erros no Planejamento de Obras

Planos elaborados antes de verificar os custos

Na falta de planejamento e de uma orientação adequada, muitas pessoas acabam pulando passos importantes do processo de construção. Como resultado, aceitam a casa projetada com um conjunto de planos elaborados, sem uma orientação precisa do custo final.

Isso é um dos erros no planejamento de obras, pois uma construção é um investimento alto e pode ser ainda mais caro para mudar os planos concluídos. Então, antes de iniciar o projeto, tenha em mente qual seu orçamento total e qual será o estilo da sua construção.

Nossa sugestão é encontrar um arquiteto ou engenheiro com estilo de trabalho que você se identifique e depois conversar sobre o tipo de imóvel que deseja construir.

Planejamento de Obras

Não ter um cronograma de obras

A falta de um cronograma de obras pode trazer vários prejuízos para sua construção. Sem a definição das etapas e datas para executar cada tarefa, os membros da equipe de mão de obra não terão uma visão clara do que se espera deles enquanto trabalham na obra.

Sem prazos para cumprir e uma má gestão do tempo o prazo de entrega pode ficar comprometido ou resultar em um trabalho de baixa qualidade feito às pressas.

Portanto, o cronograma deve ser elaborado pelo engenheiro ou arquiteto. O profissional precisa detalhar as atividades e o prazo de duração de cada uma delas. Com um cronograma realista, é possível enfrentar alguns desafios inesperados sem comprometer totalmente o prazo da obra.

Erros no Planejamento de Obras

Objetivos indefinidos

A falta de objetivos definidos é um dos grandes desafios para quem vai gerenciar um projeto de construção e um dos grandes erros no planejamento de obras. Às vezes, você não sabe exatamente o que quer ou não consegue concordar com o arquiteto ou engenheiro, por exemplo.

De qualquer forma, quando as metas não são claras, é difícil controlar a execução de uma obra. Por isso, procure deixar claro sobre os seus objetivos, o prazo que espera que a obra seja concluída etc.

Projeto que não atende às expectativas

As más escolhas de design resultam em um projeto que não corresponde às suas expectativas a curto e longo prazo. Por isso, ao planejar um imóvel você deve considerar seus estilos de vida atuais e futuros.

Pense no planejamento familiar: a família vai aumentar ou os filhos estarão se mudando? Você recebe convidados regularmente? Quanto tempo pretende ficar nessa casa?

Arquitetos, engenheiros e construtores estão preparados para ajudá-lo a tomar decisões eficazes. Eles podem orientar sobre as principais necessidades de um imóvel, sugerir mudanças e até ajudar a economizar dinheiro.

Então, aproveite essa ajuda profissional e inicie os trabalhos apenas quando estiver seguro com o design. A comunicação é vital nessa relação, então faça sugestões e solucione dúvidas até chegar no projeto da casa dos sonhos.

No momento de conversa é extremamente importante você expor todos os seus desejos e necessidades, assim como os da sua família também. Dessa forma, você evita um dos erros no planejamento de obras mais comuns.

Erros no Planejamento de Obras

Nenhum risco calculado

A maioria dos projetos de construção está exposta a riscos causados por circunstâncias imprevisíveis ou condições naturais. Quando o planejamento não leva em consideração esses eventos inesperados, as consequências refletem em mais gastos, perda de materiais e obras incompletas ou abandonadas.

Para evitar isso, é necessário fazer uma análise de riscos, considerando todos os possíveis imprevistos ou perigos naturais que podem ocorrer e documentá-los no planejamento da obra.

Erros no Planejamento de Obras

Fazer muitas alterações durante a obra

Fazer alterações no decorrer da construção é um dos erros no planejamento de obras que mais acontecem. Porém, é preciso ter consciência que tal atitude pode pesar no bolso e trazer problemas imprevistos mais tarde.

Algumas mudanças mais simples não afetam a estrutura do prédio, porém, as alterações maiores podem comprometer totalmente o processo da construção e causar muita dor de cabeça.

É sempre bom dedicar mais tempo durante o planejamento, preocupando-se com cada detalhe da construção e diminuir ao máximo as alterações no estágio de construção.

Negligenciar a etapa de fundação

A fundação é uma das partes mais importantes da construção de uma casa e, geralmente, é ignorada pelos proprietários.

Esse elemento da construção é responsável por garantir que a estrutura da casa se mantenha intacta. Sem uma base forte, as paredes ficarão inseguras, resultando em rachaduras e até desmoronamento da construção.

Para evitar erros graves na fundação, é essencial fazer uma avaliação do solo onde a obra será executada. Basicamente, existem três tipos de solos: o arenoso, o siltoso e o argiloso. Cada um deles tem suas características específicas e exige um tipo de fundação adequado.

Além disso, é preciso estimar o peso da construção a partir do projeto estrutural. Dessa maneira, é possível incluir todos os pilares e estruturas necessárias para manter a casa bem firme.

Então, o engenheiro é o profissional responsável por projetar e calcular as estruturas de obras.

Erros no Planejamento de Obras

Materiais de construção de baixa qualidade ou inadequados

Na hora de escolher os materiais de construção, muitas pessoas acabam se preocupando apenas com o preço e esquecem de observar a qualidade dos mesmos.

Esse é um erro crucial, afinal cada material que você usa em uma construção tem uma parcela de responsabilidade no resultado. Portanto, ao selecionar os materiais de construção, é importante considerar alguns fatores para evitar erros no futuro.

O primeiro deles é a durabilidade. Materiais de alta qualidade duram por muito mais tempo, logo você poderá aproveitar a sua casa por muitos anos e com mais segurança.

A aplicação do material também precisa ser considerada antes de realizar a compra. As áreas externas, por exemplo, ficam muito expostas à água. Por isso, não é recomendável que você utilize um piso polido ou de um material que não suporta a umidade. Da mesma maneira, existem materiais de construção recomendados para cada ambiente e necessidades.

Outro fator que você precisa considerar é a estética dos materiais. Se você está investindo na construção da sua casa, você quer que o resultado fique bonito, certo.

Então, ao selecionar os materiais de construção, você precisa equilibrar durabilidade, função, apelo visual e, claro, considerando o seu orçamento.

Contratar profissionais desqualificados

Obviamente, você não pode construir um imóvel sozinho. Você terá que contar com alguns especialistas para transformar seu sonho em realidade. Mas é aqui que pode acontecer um dos erros no planejamento de obras mais graves que existem.

Os erros acima e tantos outros problemas que podem acontecer em uma obra são resultado de contratar uma mão de obra desqualificada ou simplesmente porque alguns proprietários resolvem fazer tudo por conta própria. Contratar profissionais especializados é essencial para o sucesso de uma obra, então não negligencie essa etapa.

O engenheiro civil e/ou arquiteto são peças-chave para projetar, executar e supervisionar uma construção. Esses profissionais possuem o conhecimento técnico e as ferramentas necessárias para ajudá-lo a construir uma casa bem feita e segura, dentro do prazo e orçamento definidos.

Mas pular essa etapa apenas para economizar dinheiro, pode acabar saindo muito mais caro no futuro: desperdício de materiais, problemas na estrutura e retrabalho são algumas das consequência de dispensar o trabalho de um profissional qualificado.

Para evitar problemas futuros com os profissionais, busque referências do seu trabalho, veja quais foram seus últimos projetos, se possível converse com clientes anteriores e procure referências do seu trabalho na internet.

Conclusão

Esses são os erros no planejamento de obras que podem acabar com a sua construção. Se você evitá-los, certamente estará no caminho ideal para ter uma experiência de construção bem sucedida!

Orçamento grátis e seguro
Profissionais avaliados

Iremos te ajudar a realizar o seu sonho fechando o melhor negócio!

Deixe seu comentário