Quais as vantagens de ter ambientes integrados?

 

Ambientes integrados têm sido muito procurados por pessoas que buscam por praticidade e funcionalidade ao adquirir um imóvel. Seu conceito de unir dois ou mais ambientes em um mesmo espaço. Sem a necessidade de divisórias de parede traz modernidade e liberdade ao local.

As características deste modelo surgiram originalmente com os lofts. Eram grandes galpões inutilizados transformados em ateliês, estúdios e/ ou residências. Eles não possuíam divisórias, portanto, se tornavam grandes espaços integrados, separados principalmente, por móveis.

Veja também: Descubra o que é um loft e qual o seu conceito – Entenda Antes!

FREITAS ARQUITETURA E INTERIORES

Desde então, aperfeiçoou-se este estilo, transferindo e adaptando esta ideia às residências. São muito procuradas por jovens que moram sozinhos por geralmente residirem em locais pequenos e então preferindo locais em que existam ambientes integrados. Pois traz a sensação de que são maiores. Mas também procurados por àqueles que querem apenas otimizar o espaço, independentemente da metragem.

Alternativas de ambientes integrados

Inúmeras são as possibilidades de integrar os ambientes. Seja eles cozinha e sala, cozinha e lavanderia, sala e quarto, cozinha ou sala e área externa, quarto e closet, quarto e banheiro, e por aí vai…

Bruna Alvim Campos

Antes de optar por este estilo de design de interiores, é necessário a contratação de profissionais especializados e habilitados para a avaliação. Seja de uma construção que irá iniciar ou também de uma reforma. Uma vez que é imprescindível que seja analisada a estrutura da parede em que deseja derrubar. Pois nela pode conter pilares que não podem ser removidos. Além de interferir na circulação também não darão a impressão de amplitude do ambiente.

Com a avaliação feita e a autorização para demolir a parede. Passa-se para a fase de analisar o perfil do cliente e o que ele deseja para o ambiente. Para que aí sim, seja possível iniciar o projeto para o imóvel, que pode ser feito por um Arquiteto ou Design. Ele é capaz de fazer do ambiente um espaço amplo, com ventilação e iluminação privilegiadas. Pois favorece a circulação e alcance da luminosidade respectivamente.

Veja também: Por que contar com um arquiteto para planejar sua obra?

O cliente ao optar por integrar os ambientes, deve estar ciente de que conforme o ambiente escolhido, sendo uma pessoa que tem costume de receber muitas pessoas em casa, corre o risco de perder a privacidade, ao querer preservar algum canto dela, pois tudo fica mais exposto.

Assim como também deve ser levado em consideração de que pode haver conflito entre pessoas de hábitos muito diferentes. Enquanto que uma precisa de silêncio e a outra necessita fazer barulho. Como por exemplo, ao manusear objetos de cozinha ao mesmo tempo em que o outro assiste à televisão. Da mesma forma que a cozinha também integrada a outro espaço pode espalhar o odor de alimentos por toda a casa.

Integração de ambientes com a cozinha

A aposta de integrar cozinha a determinados ambientes, principalmente à sala de estar e/ou de jantar, ainda é a opção mais buscada. Diferente das construções de antigamente, onde as cozinhas eram “escondidas” na residência. Hoje, elas aparecem como parte de destaque da casa, ficando exposta e exibindo uma identidade própria através do mobiliário.

PRIMORE Engenharia e Design

Além do que, a integração desses ambientes, permite uma melhor interação entre os moradores e também entre eles e possíveis visitas. O que delimita cada ambiente é sua decoração, podendo ser divididos por tapetes, móveis, revestimentos ou papeis de parede. Ou até mesmo uma parede falsa, feita de cobogós, por exemplo, dando charme extra ao ambiente.

Para que os ambientes “conversem” entre si, é recomendado que acompanhem o mesmo estilo. Seja ele moderno, clássico ou rústico, para que o ambiente não fique com muita informação. Para tanto é necessário que ao escolher os móveis, eles estejam em harmonia. Podendo até mesmo os móveis ou paredes ser de cores variadas, mas desde que haja um equilíbrio entre eles.

A cozinha, ainda pode estar ligada à área externa, ou também à lavanderia. A primeira opção diz respeito a integrar a cozinha com varandas, jardins ou áreas de lazer. Para aqueles que buscam um maior contato com a natureza, possuindo a vantagem de isolar o ambiente com portas de vidro conservando a ligação através do visual. Mas protegendo o lado interno de chuvas e barulhos em determinadas ocasiões, podendo essa integração também ser feita com salas ou dormitórios.

A segunda refere-se à união da cozinha com área de serviço, e por geralmente necessitarem de um pequeno espaço, são integradas às elas. Principalmente em apartamentos, aonde o espaço é reduzido. Para a divisão desses ambientes normalmente usa-se o cobogó, um elemento decorativo vazado. Onde facilita a ventilação e pode ser utilizado independentemente do estilo ao qual o morador aderiu aos ambientes. Pois pode ser encontrado em variados modelos.

Ambientes integrados ao quarto

Já o dormitório, pode ganhar um banheiro, closet, escritório, ou até mesmo estes três ambientes. É importante levar em consideração o nível de privacidade e concentração em que o morador precisa. Pois no caso de um espaço para escritório dentro do quarto, por exemplo. Pode distraí-lo, principalmente quando este espaço é compartilhado com outra pessoa.

Mas mesmo que o Home Office seja a melhor opção, é possível isolar este espaço através de portas de correr ou estantes. Assim como no closet, que também pode ser delimitado por estantes, ou pelo próprio armário que armazenará os pertences. Fazendo com que o quarto fique mais funcional.

Já o banheiro conjugado ao dormitório pode parecer estranho para muitos pela privacidade que ele necessita. Porém, é possível manter esta privacidade através da decoração e móveis adequados e posicionados nos lugares apropriados.

E para aqueles que gostariam de adotar a integração destes dois espaços, mas prezam pela demasiada privacidade, ainda há a opção de integrá-lo parcialmente, fazendo com que apenas o lavatório fique exposto, agregando maior praticidade ao ambiente.

Veja também: Qual a função dos blocos de cobogó e como você pode utilizá-los em sua construção?

Ainda há os que investem na integração de sala e quarto, um ambiente prático e espaçoso, e muito utilizado principalmente por quem mora sozinho ou quando se tem poucos moradores.

O ambiente dá a sensação de desapego, mas não de desorganização do imóvel, podendo apostar em diversos itens decorativos e móveis com dupla função, como por exemplo, um painel para separar um espaço do outro, utilizando-o para armazenar itens pessoais ou decorativos, com a possibilidade de agregar à ele um painel giratório de TV central, que pode ser utilizado em ocasiões distintas tanto no ambiente da sala quanto do quarto.

Os ambientes integrados estão ganhando adeptos gradativamente, e por essa razão, as opções de móveis e decoração para compor os ambientes estão com uma variedade cada vez maior, tornando-o mais acessível para quem pensa em aderir a este modelo.

OTANNO ARQUITETURA DE INTERIORES

_____________________________________________________________________

Criamos o Entenda Antes porque acreditamos que a troca de conhecimento, informação e experiência é o único meio que realmente tem o poder de melhorar as pessoas, melhorar os negócios e o mundo como um todo.

Acreditamos que não precisa ser difícil e demorado encontrar bons profissionais e realizar orçamentos para fazer um bom negócio. Fazemos isso porque o mundo pede mais agilidade, facilidade e comodidade.

Solicite um orçamento do que você precisa sobre o mundo da construção e iremos te ajudar a realizar o melhor negócio!

Preencha agora:

Cep Inválido!

Em qual categoria o orçamento se encaixa?

Construção
Reforma
Decoração
Paisagismo e Jardinagem
Loteamento
Projetos em geral
Instalações e serviços
Pavimentação
Mudanças
Reparos e serviços
Outros

Qual o tipo de imóvel?

Quando pretende começar?

Adicione um título e descrição em seu pedido:





Deixe seu comentário