Diferentes tipos de vidros para construção – Entenda Antes!

Windows pattern textures exterior of building - Vintage Filter

Já percebeu como o vidro pode adicionar um toque de requinte e modernidade em qualquer ambiente? Isso porque é um material único e extremamente versátil. Além disso, o vidro para construção oferece uma série de vantagens, como transparência, resistência e facilidade de limpeza. É por esses e outros motivos que o vidro tem sido cada vez mais utilizado na construção civil. Tanto em fachadas, portas, janelas, paredes, entre outras aplicações.

Mas, o que algumas pessoas ainda não sabem, é que existe muitos tipos de vidro com aparência e propriedades diferentes. E que podem ser usados em várias aplicações. Para solucionar todas as dúvidas, apresentamos informações breve sobre os diferentes tipos de vidro para que você entenda antes sobre como utilizá-los na construção. Boa leitura!

1. Vidro Float

O vidro Float é o mais comum no mercado e também serve como base para a fabricação de outros tipos de vidro. O material tem uma superfície perfeitamente plana e brilhante e, por isso, também é chamado de vidro plano.

Mas as aplicações mais comuns para o vidro Float são: em janelas e módulos fixos, tampos de mesas ou outros móveis, vãos de alvenaria e drywall.

Veja também: Revestimento moderno que transforma, conheça o gesso 3D – Entenda Antes!

2. Vidro temperado

Durante o processo de fabricação do vidro temperado, o material é aquecido a uma temperatura uniforme e rapidamente resfriado. A técnica torna o vidro temperado de quatro a cinco vezes mais forte e seguro do que o vidro Float. Outra vantagem é que o vidro temperado é menos perigoso. Já que ao se quebrar, se divide em pequenos pedaços não cortantes.

Então esse tipo de vidro é comumente usado em situações onde é preciso garantir maior segurança e durabilidade. Como em locais onde há muito vento, mudanças de temperaturas ou maiores riscos de quebra. É o caso de caso de portas, janelas, box de banheiro, vitrines, prateleiras, divisórias e guarda-corpos.

Asalc Arquitetura

3. Vidro Laminado

O vidro laminado é composto por duas ou mais camadas de vidro unidas por uma película plástica de PVB (Polivinil Butiral). Assim, em vez de se quebrar com impactos, a película retém os fragmentos de vidro.

Mas o vidro laminado é considerado um dos mais resistentes e seguros do mercado e é bastante utilizado na arquitetura contemporânea, especialmente por causa da incorporação do vidro para construção na parte estrutural dos edifícios. Entre as principais aplicações do vidro laminado, podemos destacar: pilares, pisos, coberturas, paredes e janelas externas, grades de proteção, fachadas, pontes, escadas, lajes etc.

Alvim Arquitetura

4. Vidro Insulado

O vidro insulado é formado por duas ou mais camadas de vidro separadas por um alumínio. A combinação resulta em um vidro com alto desempenho térmico, reduzindo o ganho de calor no verão e a perda de calor no inverno e, consequentemente, diminuindo os gastos com resfriamento e aquecimento. Entre outros benefícios, o vidro insulado também é isolante acústico.

Esse tipo de vidro costuma ser usado em portas de hospitais, laboratórios, estúdios de música e outros locais que precisam de isolamento térmico e acústico.

OTANNO ARQUITETURA DE INTERIORES

5. Vidro Jateado

A técnica para fabricar esse vidro consiste em aplicar jatos com pós abrasivos para criar uma textura superficial. Assim, é possível criar desenhos e formas, de maneira que o material não fique totalmente transparente. E ainda permite a passagem de luz através do vidro.

O vidro jateado é uma opção bastante aplicada em construções contemporâneas em portas e divisórias de ambientes, como por exemplo, entre a cozinha e área de serviços ou para delimitar a área de reuniões de um escritório.

André Sell Arquitetura

Veja também: Estilos de decoração: O estilo contemporâneo – Entenda Antes!

6. Vidro Refletivo

O vidro refletivo, também chamado de vidro espelhado, possui uma camada metalizada que reflete a luz e reduz a passagem de calor em até 80%. Por causa dessa propriedade e do efeito estético – similar a um espelho – o vidro refletivo é bastante utilizado em fachadas de edifícios comerciais e residenciais onde há muita incidência de sol durante o dia.

Você conhecia todos esses tipos de vidro e as possibilidade de utilização do material? Com todas essas informações, ficará mais fácil utilizar o vidro na construção como material de isolamento, componente estrutural, revestimento ou simplesmente para deixar os ambientes com um visual mais moderno!

Confira mais matérias como esta acessando a Revista do Entenda Antes!

_____________________________________________________________________

Criamos o Entenda Antes porque acreditamos que a troca de conhecimento, informação e experiência é o único meio que realmente tem o poder de melhorar as pessoas, melhorar os negócios e o mundo como um todo.

Acreditamos que não precisa ser difícil e demorado encontrar bons profissionais e realizar orçamentos para fazer um bom negócio. Fazemos isso porque o mundo pede mais agilidade, facilidade e comodidade.

Solicite um orçamento do que você precisa sobre o mundo da construção e iremos te ajudar a realizar o melhor negócio!

Orçamento grátis e seguro
Profissionais avaliados

Iremos te ajudar a realizar o seu sonho fechando o melhor negócio!

Deixe seu comentário