O que significa construção branca em Steel Frame?

O que significa construção branca em Steel Frame?

O método de construção Steel Frame é muito utilizado durante a construção de casas e empreendimentos. Sendo assim, a construção branca é denominada como o modelo de construção a seco que não utiliza os materiais convencionais de construções como na  alvenaria.

Desse modo, esse modelo é baseado em um estrutura chamada “esqueleto” que auxilia durante o processo de construção.

Esse modelo de construção ficou mais conhecido no Brasil nos anos 2000, quando pessoas começaram a buscar opções mais novas e baratas para construírem suas residências.

Assim, a estrutura da construção branca é sustentável e, por ser constituída de peças industrializadas, causa menos atrasos durante a obra, apresentando um ótimo custo-benefício. Além do mais, como conta com uma estrutura mais leve, ela é facilmente manuseada. Desse modo, para saber mais sobre o significado da construção branca em Steel Frame, leia este texto até o final.

O que é a construção branca em Steel Frame?

A construção branca significa um modelo de construção que não utiliza métodos convencionais de alvenaria. Sendo assim, esse método de construção é uma opção econômica, sustentável, durável e que pode ser usada em obras de pequeno, médio e grande porte e, geralmente, referem-se aos elementos utilizados na construção de colunas e vigas de aço galvanizado.

O espaçamento entre as colunas desse tipo de construção variam de 7 a 14 metros no centro, com variações de espaçamento menores ou maiores, dependendo do projeto arquitetônico. Esse modelo de construção varia de formas e tamanhos, assim ele permite que todos os objetivos arquitetônicos sejam atendidos.

O ponto principal na construção branca é avaliar com precisão o tipo de material que será utilizado. Dessa forma, cada obra deve ser avaliada separadamente, a fim de descobrir qual modelo de aço é o mais indicado para aquele estilo de construção.

Assim sendo, recomendamos que após todas as medidas tiradas e planejamento feito, essa estrutura deve ser colocada corretamente sobre a fundação da obra. 

Por isso, ao optar pela construção branca, é indispensável prestar atenção ao nivelamento como forma de garantir a segurança e integridade da construção e dos trabalhadores.

Defeitos nessa etapa podem alterar o layout das casas ou edifícios em construção que podem causar acidentes subsequentes. 

O sistema steel frame ou construção branca é cada vez mais utilizado no Brasil. Tudo isso é possível graças a praticidade na construção e no uso de acabamentos de acordo com a necessidade de cada cliente, sendo, portanto, notório entre arquitetos, engenheiros e até mesmo clientes finais.

Como a construção branca é feita?

Como a construção branca é feita?

Como você viu acima, a construção branca é mais uma das denominações para a construção a seco. Nela não é necessário o uso de areia, cimento, tijolos, betoneiras e entulhos. Portanto, ela não necessita dos métodos convencionais de obras.

Esse modelo de construção garante uma obra limpa, rápida e sustentável. Confira abaixo as etapas desse modelo de construção.

  • Fundações

O primeiro passo de uma construção em Steel Frame é a fundação que, ao contrário de construções convencionais, é mais leve e menos volumosa. Para casas menores, as bases comuns são Sapatas Corridas ou Radiers.

Outra vantagem dessa estrutura é que ela é mais leve e distribui de forma equivalente toda a carga de sustentação. A fundação é construída e nivelada diretamente no chão e, em seguida, recebe a carga das paredes e pilares da obra.

Uma indicação é construir o Radier em um espaço maior ao necessário para a construção, assim ele deve ser inserido além da área exata.

  • Estrutura

Nessa etapa as paredes podem ser adicionadas. Você pode optar pelo modelo de perfis inteiros ou comerciais. Porém é preciso certificar-se de que todos possuem as mesmas medidas e tamanhos de cortes. Só assim a montagem pode ser realizada na obra.

  • Laje

Assim como os demais passos, a laje também é industrializada e possui espessuras maiores que garantem mais resistência de acordo com o peso que irá sustentar. 

No mercado você pode encontrar opções como painéis OSB de 18 mm ou painéis maiores que variam entre 23 mm ou 40 mm.

O mais indicado é equilibrar o uso de aço leve e aço pesado para agregar ainda mais sustentação ao final da obra.

  • Telhado

A próxima etapa é construir o telhado. Assim como as etapas anteriores, ele também é encontrado em modelos tradicionais ou industrializados.

A única indicação é que as placas sejam aluminizadas para que elas garantam o conforto térmico no ambiente.

Além disso, a construção branca permite que o sistema seja ventilado. Isso permite a renovação de ar, refrescando o ambiente e eliminando o ar quente. Esse modelo garante proteção às variações climáticas, agregando beleza e elegância a construção.

  • Acabamento externo

Após a instalação do telhado, o próximo passo é começar o acabamento externo da obra. Desse modo, os materiais indicados para esse revestimento são:

  • lã de vidro;
  • lã de rocha de alta densidade;
  • drywall;
  • placas OSB.

Independentemente dos materiais escolhidos, o que não pode faltar é a membrana de vapor. Ela é responsável por garantir que não entre umidade no ambiente.

  • Sistemas elétricos e hidráulicos

A parte elétrica e hidráulica de uma construção branca pode ser adicionada antes mesmo do fechamento das paredes. Isso diminui o trabalho após o final da obra e proporciona praticidade à construção.

Além disso, nessa construção a manutenção da obra é relativamente simples e possui um sistema próprio, o PEX. Ele possibilita a realização de curvas e pode conduzir água em temperaturas quentes ou frias.

  • Esquadrias

No sistema de construção branca, portas, portões, janelas e outras esquadrias ocorrem do mesmo modo que em obras tradicionais. Assim não é preciso contratar mão de obra especializada.

A única recomendação nesse momento é que, durante a instalação, sejam utilizados impermeabilizantes para unir as peças como, por exemplo, o Flashing, que é uma fita asfáltica própria para isso.

  • Revestimento final 

Por fim, a construção pode ser finalizada com placas de drywall e pintura, deixando o ambiente com aspecto idêntico ao de alvenaria. Como as placas utilizadas são as OBS, é possível pendurar qualquer objeto nas paredes e teto com total segurança.

Dessa forma, é possível ter total liberdade de escolha quanto aos revestimentos e materiais de acabamento. Uma boa opção é escolher pisos vinílicos que otimizam a acústica e adicionam charme e elegância à obra.

Como você viu neste texto, a construção branca promove uma obra rápida, sustentável e com um ótimo custo benefício. Se você gostou deste conteúdo, deixe o seu comentário!

Orçamento grátis e seguro
Profissionais avaliados

Iremos te ajudar a realizar o seu sonho fechando o melhor negócio!

Deixe seu comentário